Três institutos cravam mesmo resultado da Pesquisa Folha/Ipespe no Recife

Divulgação

Na véspera o segundo turno da eleição no Recife, pela primeira vez na história das pesquisas de intenção de voto na capital pernambucana, três institutos de pesquisa divulgaram o mesmo resultado de intenções de voto do divulgado de 0h deste sábado (28) pelo Ipespe/Folha de Pernambuco, a primeira pesquisa a cravar empate numérico entre João Campos (PSB) e Marília Arraes (PT), com 50% dos votos válidos (excluídos os brancos e nulos) para cada prefeiturável. 

Real Time Big Data, Datafolha e Ibope também divulgaram o mesmo percentual de votos válidos publicado em primeira mão pela Folha/Ipespe: 50% dos votos válidos para cada candidato. Na pesquisa Ipespe, a margem de erro máximo estimada do estudo é de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos, com a utilização de um intervalo de confiança de 95,45%. "Nós fomos o primeiro Instituto a antecipar esse resultado numérico. É um fato inédito numa eleição ter quatro institutos dando o mesmo resultado", comemora Marcela Montenegro, diretora executiva do Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe).

Segundo Marcela, o que pode decidir essa eleição acirrada é o percentual de abstenção, brancos e nulos. "O fator abstenção pode desequilibrar esse quadro. A gente teve no primeiro turno, dos votos totais,  11% de brancos e nulos e quase 20% de abstenção, segundo o TSE. Isso dá 31% que não votaram em nenhum candidato", avalia.

Confira a última pesquisa Folha de Pernambuco / Ipespe, em detalhes:
https://www.folhape.com.br/colunistas/blogdafolha/pesquisa-folhaipespe-para-prefeitura-do-recife-joao-e-marilia-tem-50-dos-votos-validos/21900/

Veja também

Sob pressão para sair do cargo, Pazuello viaja a Manaus sem 'voo de volta'
Política

Sob pressão para sair do cargo, Pazuello viaja a Manaus sem 'voo de volta'

Prefeitura do Recife promove ação educativa nos parques por respeito às medidas de prevenção
Coronavírus

Prefeitura do Recife promove ação educativa nos parques por respeito às medidas de prevenção