TSE recebe doações de equipamento para a segurança nas Eleições 2020

Site do TSE

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, e o vice-presidente da Corte, ministro Edson Fachin, agradeceram publicamente as empresas e as instituições que doaram equipamentos de proteção, produtos e serviços necessários para prevenir e evitar a transmissão da Covid-19 nos locais de votação e seções eleitorais durante as Eleições 2020.

Ao abrir o encontro por videoconferência, Luís Roberto Barroso fez questão de ressaltar que se tratava de um momento de celebração e de gratidão pela “extraordinária” parceria público-privada, que reuniu o TSE, 26 empresas e associações doadoras e outras 11 entidades apoiadoras para garantir a segurança de todos os participantes do processo eleitoral. “O que conseguimos fazer é memorável e merece registro histórico”, afirmou em evento na segunda-feira (5). Nos próximos dias, mais detalhes dessa parceria serão tornados públicos.

O presidente do TSE enalteceu a adesão patriótica e gratuita dos parceiros privados e ressaltou que quase a totalidade dos equipamentos doados já foram devidamente despachados para 26 Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) de todo o Brasil, graças à logística de transporte e de distribuição montada pelos colaboradores. “As últimas carretas já estão em trânsito”, comemorou.

Barroso destacou que o projeto de adesão de doadores e entrega das doações foi organizado pela Secretária Geral do tribunal, Aline Osorio, em parceria com Amaury Oliva, da Febraban e Leandro Maia, da Falconi. “Essa parceria foi feita com grande esforço e trabalho em conjunto. Foram mais de uma dezena de reuniões, todas as semanas desde o final de julho, inclusive em fins de semana e feriados, para discutir o status das doações, da produção do material e da entrega, agregar novos doadores e parceiros, discutir a logística, solucionar as dificuldades tributárias e operacionais”.

O ministro Edson Fachin ressaltou o patriotismo e a solidariedade dos colaboradores que, mesmo em um momento de crise, aderiram ao chamamento da Justiça Eleitoral e mostraram que é possível sair da crise sem sair da democracia. “É um prazer compartilhar a alegria de uma missão cumprida”, afirmou.

Doação

Os colaboradores doaram equipamentos de proteção para mesários, como máscaras e proteções faciais (face shield) de acrílico, além de litros de álcool em gel para utilização pelos eleitores e adesivos para marcar o distanciamento social nas filas.

Foram 8.891.100 máscaras cirúrgicas, suficientes para que todos os mesários possam usá-las e substituí-las a cada quatro horas e para suprir as necessidades de eleitores que eventualmente compareçam sem máscara; 2,1 milhões de protetores faciais (face shields); 2,1 milhões de frascos de álcool em gel para os mesários e 2,1 frascos de álcool em gel para uso de eleitores antes e depois de votar; 420.896 frascos de álcool líquido saneante; 2 milhões de adesivos que demarcarão o distanciamento social nos locais de votação e seções eleitorais; 226.952 pôsteres para os locais de votação com as medidas sanitárias adotadas e 533.170 pôsteres para as seções eleitorais com o passo a passo da votação e 500 mil canetas esferográficas.

As instituições também realizaram os serviços de transporte intermunicipal e interestadual, de carregamento de carga, de logística e de distribuição desses materiais e equipamentos.

Segundo o presidente do TSE, graças a essa mobilização foi possível obter materiais e equipamentos de segurança, bem como administrar as complexas operações de logística da distribuição desses materiais e equipamentos sem qualquer gasto público. “Essa parceira mostrou que, com boa-fé, boa vontade, patriotismo e espírito público, quase tudo é possível”, concluiu.

Fonte: site do TSE

Veja também

Para forçar volta à escola, MEC resiste em homologar permissão de aula remota até fim de 2021
educação

Para forçar volta à escola, MEC resiste em homologar permissão de aula remota até fim de 2021

Bruna Tomaselli vai representar Brasil na temporada 2021 da W Series
Automobilismo

Bruna Tomaselli vai representar Brasil na temporada 2021 da W Series