A-A+

Voto de repúdio contra influenciador que chamou criança de traficante no Recife, é aprovado na Câmara

Vereador Marco Aurélio Filho propôs voto de repúdio ao influenciador digital, Leo Picon

Vereador do Recife, Marco Aurélio Filho (PRTB) - Divulgação

O plenário da Câmara Municipal do Recife acatou, nesta segunda-feira, 20 de setembro, voto de repúdio proposto pelo vereador Marco Aurélio Filho (PRTB) contra o empresário e influenciador digital Leo Picon, por gravar e divulgar um vídeo nas redes sociais em que chama uma criança inocente de traficante, em um bairro periférico da Zona Sul do Recife. 

No pedido, Marco Aurélio Filho argumenta que Leo Picon “expôs a imagem da criança em condições constrangedoras e vexatórias”. 

O parlamentar mostra no requerimento que durante a passagem de Leo Picon no Recife, no final de agosto deste ano, o influenciador digital aborda de dentro de um carro, uma criança que estava caminhando na rua, para pedir informações sobre como chegar em um clube de festas: "Vou mostrar como se habla espanhol com los traficantes de Recife", diz Leo na ocasião. 

Neste momento, sem a criança saber da mal intenção, o influenciador pergunta uma informação sobre um local no bairro  e agradece. 

Na legenda do story ele escreveu "Traficante de informaciones". Em seguida o caso ganhou grande repercussão e revolta nacional. No Twitter o nome Leo Picon ficou entre os assuntos mais comentados. 

O caso também virou alvo de uma representação no Ministério Público de Pernambuco, junto a Promotoria de Justiça de Defesa da Criança e do Adolescente.

Veja também

Bitcoin se aproxima de máximo histórico e regulador americano contempla abrir o mercado
Bitcoins

Bitcoin se aproxima de máximo histórico e regulador americano contempla abrir o mercado

Covid-19: em 24 horas foram registrados 15,2 mil casos e 570 mortes
Coronavírus

Covid-19: em 24 horas foram registrados 15,2 mil casos e 570 mortes