Pernambuco abre seleção pública com 1,6 mil vagas para profissionais de Saúde

Profissional de saúde - Divulgação/SES-PE

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) publicou, neste sábado (18), o edital da seleção pública simplificada para contratação de 1.662 profissionais de saúde, incluindo médicos, analistas, assistentes, além de engenheiros de segurança do trabalho.

O certame abrange todas as 12 regiões de Saúde do Estado e disponibiliza vagas em especialidades que já foram preenchidas pelo último concurso público da SES-PE e que, portanto, não havia mais banco para convocação. O objetivo é reforçar a rede hospitalar e ampliar a força de trabalho na rede pública.

A seleção oferece 380 vagas para médicos; 1.168 vagas para analistas em saúde; 97 para assistentes em saúde; além de 17 vagas para engenheiros de segurança do trabalho.

As inscrições devem ser realizadas pelo endereço eletrônico selecionases.saude.pe.gov.br, a partir da próxima segunda-feira (20) até o dia 4 de julho.

O resultado final será divulgado no dia 29 de julho. A seleção pública é constituída de única etapa, por meio de avaliação curricular.

Entre as principais áreas contempladas está a assistência pediátrica para enfrentar o aumento de casos respiratórios em bebês e crianças. Das 380 vagas disponíveis para especialidades médicas, 122 são destinadas, exclusivamente, para profissionais que atuam na assistência pediátrica e neonatal.

Para atendimento a este público específico, o certame contempla as especialidades de médico cirurgião pediátrico (12); médico intensivista pediátrico (10); médico neonatologista (48); médico neurologista pediátrico (5); médico pediatra (41), além de médico cardiologista pediátrico (6). Também estão sendo disponibilizadas 79 vagas para fisioterapeutas respiratórios.

"Como anunciamos, o Estado de Pernambuco já havia convocado todos os intensivistas pediátricos e neonatologistas, e praticamente todos os pediatras aprovados no concurso da pasta, ao longo dessa pandemia. Com a abertura constante de novos leitos e por possuirmos a maior rede para casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) em crianças do Nordeste, a seleção visa reforçar as equipes e garantir o cuidado a esse público no Estado. Já abordamos, igualmente, sobre o esforço em colocar novos leitos em operação, justamente, pela dificuldade em fechar as equipes e pelo quadro de escassez de médicos especializados em todo o país, tanto na rede pública, como na privada. Diante disso, esperamos que a seleção supra nossas expectativas de forma célere", afirma o secretário estadual de Saúde, André Longo. Pernambuco conta, atualmente - apenas para este público - com 302 leitos hospitalares, sendo 148 de UTI e 154 de enfermaria.
 

Veja também

Mega-Sena acumula e próximo concurso deve pagar R$ 43 milhões
Loteria

Mega-Sena acumula e próximo concurso deve pagar R$ 43 milhões

Banco Mundial cria fundo para melhor prevenir e responder a futuras pandemias
Combate a pandemias

Banco Mundial cria fundo para melhor prevenir e responder a futuras pandemias