De prefeito que faz concurso a imbecil e picareta

Em Afogados da Ingazeira, sertão do Pajeú, os ânimos andam exaltados. O vereador José Edson, o  Zé Negão, perdeu a paciência e xingou o prefeito José Patriota (PSB) de “imbecil, picareta” além outros palavrões nada republicanos em plena  câmara de vereadores da cidade.

O clima esquentou quando o prefeito decidiu adiar por tempo indeterminado o que ele vinha chamando de “o maior concurso da história da cidade”. Segundo ele, por causa dos problemas causados nos cofres públicos devido a pandemia.

O prefeito informou que não existe na cidade, estabelecimentos com espaço suficiente para a realização do certame, de forma que haja o distanciamento social adequado e que o exame só iria acontecer este ano caso se houvesse “brecha legal e recuperação da receita”.

O problema piorou ainda mais quando Patriota disse na imprensa que o concurso “já estava engatilhado”, e que por conta do momento atual, as vagas para educação, saúde e guarda municipal ficariam paralisadas sem previsão de uma nova data.

Indignados com as palavras do prefeito e culpando também a imprensa local, por omissão e conivência, uma parte dos vereadores não aceitou as justificativas e decidiu usar as redes sociais na internet para demonstrar o descontentamento com a gestão.

O presidente, Igor Mariano, saiu em defesa do prefeito, chamou os termos usados de “injustos e inadequados” e emitiu nota à imprensa, assinada por outros vereadores, exigindo retratação do parlamentar.


Serra Talhada > O prefeito Luciano Duque (PT) voltou a culpar a pandemia pelos atrasos na entrega de resultados para o município. Em live do seu gabinete de crise, o prefeito garante a geração de novos empregos com a retomada do comércio e aposta todas as fichas na boa safra do campo e nos investimentos do Governo Federal.

Novas alianças > A prefeita de Dormentes, Josimara Cavalcanti, disse que não guarda mágoa do fim da parceria com a vereadora Maria do Rosário, depois que a parlamentar decidiu bancar candidatura própria. Agora, Josimara caminha ao lado de “Corinha de Geomarco”, viúva do ex-prefeito da cidade. Ela pediu exoneração do cargo de secretária de Assistência Social e Habitação, dentro do prazo,  para disputar a eleição como vice de Josimara.

Transparência e caça aos culpados > Em Cabrobó, enquanto o MPPE pede que a prefeitura coloque no site os gastos do enfretamento da pandemia de forma detalhada, alguns vereadores culpam a secretária de saúde, Ocineide Torres por ter supostamente levado o vírus para o município após participar de reunião em outra cidade, mesmo em isolamento, por pressão da gestão.

Desistiu > Em Tabira, depois do anúncio oficial da pré-candidatura de Flávio Marques para prefeito, o vereador Aristóteles Monteiro desiste de encarar a majoritária e também a reeleição na câmara. No entanto diz que vai apoiar Mauricio do Sindicato e Socorro Veras, Presidente do PT e irmã do Deputado Federal Carlos Veras, para ocuparem o espaço que ele está deixando.

Teve mudança > Ainda em Tabira, um áudio do vice- prefeito José Amaral, revela que o “Agora é Zé” que fazia alusão a sua pré-candidatura após romper o Prefeito Sebastião Dias, deu lugar ao “Agora São Elas”, em que sua filha Maria Helena será a candidata a vice-prefeita na chapa liderada pela presidente da Câmara Nely Sampaio como 3ª via da disputa pela Prefeitura tabirense.

Veja também

Brasil nada bem e conquista vaga na final do 4x100m livre masculino nas Olimpíadas
Jogos Olímpicos

Brasil nada bem e conquista vaga na final do 4x100m livre masculino nas Olimpíadas

Caixa paga hoje auxílio emergencial a nascidos em agosto
Economia

Caixa paga hoje auxílio emergencial a nascidos em agosto