O xadrez eleitoral e o jogo que começou

A aproximação das eleições municipais traz junto a necessidade de definição de estratégias e arrumação das peças nesse complexo xadrez. Em Petrolina o prefeito Miguel Coelho vai para a reeleição. No campo da oposição, o nome da vez do PSOL é o Dr. Marcos Heridijânio. O ex-prefeito por 8 anos, Julio Lossio (PSD) quer voltar ao Palácio dos Guararapes.

Da briga entre o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e o deputado federal Luciano Bivar, o projeto majoritário do vereador Gabriel Menezes tenta se consolidar no PSL. Já o PT resolveu sua crise interna e bateu o martelo em torno de Odacy Amorim, que deixou a presidência do IPA recentemente para atender o calendário eleitoral. Enquanto isso, a cidade inteira aguarda a manifestação do PSB. A menos de 4 meses das eleições, um profundo e ensurdecedor silêncio.

Exercendo o segundo mandato na Assembleia Legislativa de Pernambuco, onde exerceu a função de vice-líder do governo Paulo Câmara, Lucas Ramos nunca escondeu sua vontade de disputar a prefeitura de Petrolina. Foi assim em 2016, quando ameaçou bater chapa com seu então companheiro de partido, Miguel Coelho. Retirou a candidatura e viu Miguel receber no palanque o governador e suas forças aliadas.

Após sua reeleição em 2018, Lucas iniciou uma aproximação com o ex-prefeito Júlio Lossio para construir uma candidatura única a partir dessa parceria. E parece que o momento chegou.

 

Se apossou - Em Petrolândia o pré-candidato a prefeito, João Lopes (PT), admitiu ter "adquirido" de forma não regular uma área que pertence ao município e que agora a Codevaf está solicitando para a realização do saneamento básico. Mas o pré-candidato já entrou na justiça para se tornar dono das terras.

Mais uma chance - A prefeitura de Moreilândia ganhou do Ministério Público Federal mais uma chance para obedecer as recomendações de transparência. Desde 2014 o MPF identifica ausência de informações, receitas, despesas e procedimentos de licitação. A prefeitura tem 30 dias para iniciar a prestação de contas de forma mensal no portal, com o risco de pagar multa de R$ 5 mil por cada mês de atraso.

Recebendo sem trabalhar - O MPPE recomendou a volta das sessões da Câmara de Vereadores de Timbaúba, que estavam suspensas por "tempo indeterminado" por causa da pandemia. A orientação foi para que as sessões retornem de forma online, como vem sendo feito no resto do país.

Cabrobó - Para conseguir cumprir as recomendações do Governo do Estado sobre a suspensão de festas juninas, fogueiras e fogos de artifícios durante o período de São João, a prefeitura de Cabrobó emitiu um decreto com essas normas, podendo requisitar aos infratores, multa, interdição e apreensão dos produtos, com auxílio da polícia.

Veja também

Flip anuncia curadoria e homenagem coletivas para edição inspirada em plantas
Literatura

Flip anuncia curadoria e homenagem coletivas para edição inspirada em plantas

Com queda na ocupação de UTI para Covid, SP libera eventos a partir do dia 17
Pandemia

Com queda na ocupação de UTI para Covid, SP libera eventos a partir do dia 17