Uma reeleição antecipada e um clima pesado em Petrolina

Sem surpresas, o atual presidente da Câmara Municipal de Petrolina, vereador Aero Cruz (MDB), continuará à frente do Poder Legislativo para o biênio 2023-24. A eleição aconteceu durante sessão solene na manhã desta terça-feira (30).

Ao abrir a sessão, Aero foi curto e direto ao afirmar que não haveria espaço para debates, mas somente para votação. A decisão do presidente foi tão rápida quanto à nova votação, já que ele ainda nem completou um ano no mandato.
Vinte vereadores respaldaram mais um mandato para Aero. 

Único voto contrário, o vereador Gilmar Santos (PT) bateu duro e voltou a reafirmar sua postura, garantindo que entrará com uma ação na justiça pedindo anulação da eleição.

“Fui contrário em respeito à população de Petrolina, nosso povo tem direitos previstos na Constituição Federal que precisam ser respeitados. Quando essa eleição atropela o artigo 57 da Constituição, que impede reeleição de Mesa Diretora, assim como outros artigos, mas principalmente no momento em que nosso povo sofre mais, os vereadores desta Casa estão preocupados com privilégios, regalias e salários altos. Nós precisamos denunciar e vamos ingressar na justiça para barrar essa imoralidade e essa ilegalidade. Vamos entrar na justiça e esperamos que ela faça valer a decisão do STF, através da ação direta de inconstitucionalidade 6.524 que impede reeleição de Mesa Diretora”, esclareceu Gilmar.

O petista completou: “essa manobra de reeleição atropela a Constituição Federal, atropela a vontade do povo de Petrolina. Essa eleição é ilegal e imoral, afasta nossa população dessa Casa e transforma esse ambiente em um covil de achacadores e mercenários que usam de recursos públicos da nossa população”.

Com a reeleição do segundo biênio 2023-2024 garantida, o presidente continua mantendo um salário de R$ 30 mil e deve gerir quase R$ 26 milhões na Casa Plínio Amorim. Dois vereadores da oposição votaram ‘sim’ e houve duas ausências durante a votação.

Improcedente
O juiz Francisco de Assis Moraes Júnior julgou como improcedente a ação que pedia a perda do mandato da vereadora caruaruense, Kátia das Rendeiras (Republicanos). O advogado Marcílio Cumaru, que defende a vereadora, afirmou que o processo foi periciado pela Polícia Federal, a qual concluiu que era editado. “Foi julgado improcedente. A gente sempre trabalha com cautela. Os fatos que a acusação trouxe como provas e as testemunhas sequer conheciam a vereadora”, afirmou.

Vai sair para estadual
O ex-deputado federal Zeca Cavalcanti vai se candidatar a deputado estadual nas eleições de 2022. "Vou deixar o PTB e me filio ao Democratas, para caminhar ao lado de Miguel (Coelho). Aqui em Arcoverde vou fazer dobradinha com o deputado federal Fernando Filho”, assumiu. Pelas mídias sociais, Zeca destacou a visita e Miguel a sua cidade. "Acompanhar o parceiro e amigo Miguel Coelho em visita a Arcoverde foi um prazer. Juntos vamos mostrar que podemos ter um Pernambuco melhor para se viver”.

Homenagem
O governador de Pernambuco Paulo Câmara sancionou, nesta terça-feira (30), a lei que denomina a PE-647, estrada de acesso ao Aeroporto Senador Nilo Coelho, em Petrolina – como Rodovia Governador Joaquim Francisco de Freitas Cavalcanti. A iniciativa da homenagem ao ex-governador, falecido em agosto deste ano, partiu de uma proposição de autoria do deputado Romero Sales Filho.

Veja também

Após isolamento por covid, Linn da Quebrada, Arthur Aguiar e Jade Picon entram na casaBBB 22

Após isolamento por covid, Linn da Quebrada, Arthur Aguiar e Jade Picon entram na casa

BBB22: Eliezer diz que gastou R$ 15 mil em harmonização; veja o antes e depois BBB22

Eliezer diz que gastou R$ 15 mil em harmonização