Produtores estranham importação milionária de arroz; confira a coluna desta terça (14)

“O Brasil já está cansado”
Senador Ciro Nogueira (PP-PI) após mais uma pesquisa sobre a rejeição de Lula

Produtores estranham importação milionária de arroz
A estranhíssima medida provisória do presidente Lula autorizando a milionária importação de arroz surpreendeu a Federarroz (Federação das Associações de Arrozeiros do Rio Grande do Sul), que representa 6 mil produtores. A compra está a cargo da Conab, empresa pública de abastecimento dirigida por Edegar Pretto, radical petista ligado ao MST. “Inexiste risco de desabastecimento”, garante a entidade, citando a projeção da safra 2023/2024 estimada em suficientes 7.150 toneladas.

Sem justificativa
Mesmo dificuldades com escoamento da produção, em razão das estradas interditadas, “serão brevemente superadas”, diz a Federarroz.

Dinheiro a rodo
A MP de Lula autoriza comprar 1 milhão de toneladas, para alegria dos importadores. Já reservou R$ 416 milhões a para 104 mil toneladas.

Desnecessária
Para o vice-presidente da Comissão de Agricultura, deputado Rodolfo Nogueira (PL-MS), a MP do Arroz é “intempestiva e desnecessária”.

O problema
“O governo precisa resolver o problema do escoamento do produto e da emissão da nota fiscal para o transporte”, cobra o parlamentar.

Caça aos críticos piora imagem negativa de Lula
A caçada aos críticos, utilizando-se inclusive da Polícia Federal e de aliados no Judiciário, acirrando ainda mais a política de ódio em curso no País, está na origem da imagem cada vez pior do governo Lula (PT). Pesquisas indicam essa crescente preocupação dos brasileiros, e o levantamento da Quaest, divulgado nesta segunda (13), mostra que 55% acham que Lula não merece ser reeleito. No Sudeste, maior colégio do País, com 42% dos votantes, a repulsa à reeleição de Lula é de 63%.

Ora, a Constituição
O Paraná Pesquisas havia apontado que 61% dos brasileiros temem punição por falar o que pensam, apesar das “garantias” constitucionais.
 
Lula nunca mais?
A pesquisa Quaest mostra que, à exceção de sempre do Nordeste, as demais regiões, de Norte a Sul, acham que Lula não merece reeleição.

Frase inesquecível
A ministra Cármen Lúcia, que em 2016 anunciou que “o cala-boca já morreu”, será relatora do inquérito no STF contra críticos do governo.

É caso de polícia
A Federação de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de São Paulo desconfia de “desabastecimento artificial” de arroz e outros produtos para especulação de preços. Acionou o Procon e pediu apuração.

Michelle, a favorita
Michelle Bolsonaro (28%) é favorita do eleitorado para enfrentar Lula em 2026, caso seu marido não possa concorrer. É seguida por Tarcísio de Freitas (24%) e Ratinho Júnior (10%), segundo a pesquisa Quaest.

Haddad lidera rejeição
Impressiona a rejeição de Fernando Haddad apurada em pesquisa Quaest de ontem (13). É o petista com maior rejeição (51%) nos cenários para presidência em 2026. Supera Lula (49%) e Gleisi Hoffmann (34%).

Morreu mesmo?
Frase de 2016 de Cármen Lúcia (STF) tem sido muito lembrada desde que a ministra assumiu a relatoria do inquérito contra os críticos do governo: “o cala a boca já morreu, quem manda em mim sou eu”.

Dano moral
Já tem valor a indenização exigida pelo presidente da Câmara, Arthur Lira, do youtuber Felipe Neto que o ofendeu na própria Casa. O deputado quer reparação mínima de R$ 200 mil por dano moral.

Dinheiro com escala
O crédito extraordinário de R$ 12,2 bilhões aberto pela medida provisória de Lula (PT) “para o Rio Grande do Sul” prevê distribuir todo o bolo de dinheiro público entre doze ministérios do governo... para ajudar o Sul.

Totalitarismo
"O Ministério da Comunicação recorre a medidas totalitárias e o Ministério da Justiça aceita", critica o deputado Delegado Ramagem (PL-RJ) ao cobrar a convocação do ministro Ricardo Lewandowski (Justiça).

Esperteza mesquinha
A tecnologia permite reduzir custos, mas a empresa B3, que tem o monopólio da bolsa de valores, abusa das respostas automáticas no whatsapp para não contratar pessoas que atendem clientes.

Pensando bem...
...o “cala a boca” virou zumbi.

PODER SEM PUDOR
O pulo do gato

Inimigos, Carlos Lacerda e Juscelino Kubitschek se encontram para articular a Frente Ampla, em oposição ao regime militar. Levaram horas conversando. A certa altura, Lacerda quis saber um velho segredo: “Como o sr. lembra o nome de todo mundo? Já tentei vários sistemas e nenhum funcionou.” JK revelou: “Eu não lembro, mas o sujeito não quer que você se lembre, quer pensar que você lembrou. Então, eu abraço a pessoa e pergunto baixinho: “Como é mesmo seu nome inteiro?” Aí, termino o abraço e digo bem alto: ‘Como vai, fulano?’ E todos ficam satisfeitos.”


___
Com Rodrigo Vilela e Tiago Vasconcelos
www.diariodopoder.com.br 


As informações contidas neste artigo não refletem a opinião do Jornal Folha de Pernambuco e são de inteira responsabilidade de seus criadores.

Veja também

Degenerativa e autoimune, esclerose múltipla afeta sobretudo mulheres
esclerose múltipla

Degenerativa e autoimune, esclerose múltipla afeta sobretudo mulheres

China pode multar PwC por auditoria da Evergrande, gigante imobiliária que entrou em crise
fraude

China pode multar PwC por auditoria da Evergrande, gigante imobiliária que entrou em crise

Newsletter