Confira dicas de cuidados com automóveis e prevenção de acidentes nos períodos chuvosos

Além das pistas molhadas, a chuva pode danificar o automóvel se não tiver os cuidados necessários

Ponto de alagamento na avenida Norte, no Recife - Arthur Mota/Folha de Pernambuco

O verão já começa a apresentar sinais de que está indo embora. Em 20 de março, oficialmente, a estação muda e o período chuvoso já deve se mostrar. Porém, para os motoristas, o cuidado nesse período deve ser redobrado. Além das pistas molhadas, a chuva pode danificar o automóvel se o proprietário não tiver os cuidados necessários.

Um item primordial, por exemplo, é o limpador de para-brisa. Danificado, ele pode prejudicar a visão do condutor e acabar causando um acidente. Por isso, as palhetas devem ser checadas e trocadas em caso de desgaste. 
 

Apesar de manter todos os cuidados, às vezes, é complicado desviar de um trecho com alagamento. Em certas situações, o motorista realmente precisa passar. Mas há que se respeitar os limites. Se a quantidade de água estiver acima da metade da roda, o risco de entrar água no motor é grande. Além disso, a quantidade de água pode até fazer o carro boiar. 
 

Para enfrentar as chuvas com segurança no trânsito, o engenheiro mecânico e especialista em manutenção de automóveis Denis Marum dá dicas de algumas ações preventivas que devem ser tomadas para não ficar em perigo ou danificar o carro. “Não enfrente a enchente achando que pode ultrapassá-la. Como os veículos têm os comandos elétricos, é muito fácil o carro dar pane e você ficar no meio da água”, explica Marum.

 

Confira 10 dicas de prevenção para enfrentar os dias de chuva:

1 - A bateria deve estar em bom estado e bem carregada.

2 - Palhetas do para-brisa não podem estar ressecadas;

3 - Água do esguicho deve ter líquido desengordurante;

4 - Luzes das lanternas devem estar em perfeito estado;

5 - Pneus não podem estar carecas;

6 - Verifique o sistema de freios;

7 - Desembaçadores traseiro e dianteiro devem estar funcionando;

8 - Borrachas das portas devem estar em bom estado para vedar a entrada de água;

9 - A dica principal é evitar entrar em áreas alagadas.

10 - Fique atento aos aplicativos de trânsito e no noticiário de rádio para saber como evitar as áreas alagadas.

 

Em caso de estar no congestionamento e a água subir rápido, procure:

1 - Não deixar de acelerar o carro durante toda travessia;

2 - Passar em 1ª marcha e devagar (porque a aceleração do carro evita a entrada de água pelo escapamento);

3 - Evitar marola para que a água não alcance a entrada do filtro de ar. Verifique a passagem de caminhões e carros ao seu lado ou em sentido contrário;

4 - Se o carro morrer, não tente fazê-lo pegar. Peça ajuda e retire-o do local onde está parado.

5 - Saiba que a altura máxima, para passar numa área alagada, é a metade da roda.

 

Para quem foi vítima de alagamentos e o carro ficou na água, é preciso ser rápido na manutenção interna do veículo e, também, nos cuidados com o motor.

“Depois de enfrentar a enchente, o carro precisa ir para uma oficina e passar pela verificação detalhada e lavagem interna completa, senão a perda e a desvalorização serão ainda maiores”, comenta Marum. 

O que deve ser feito depois de passar por uma situação de alagamento:

1- Trocar os óleos do motor, transmissão e diferencial do veículo;

2- Limpar a parte externa do radiador;

3- Verificar o filtro de ar e água nos faróis;

4- Fazer limpeza no sistema de freios;

5- Fazer a limpeza interna: lavar bancos, carpete e forração para evitar o mau cheiro.

Veja também

Isabella Taviani se apresenta no Teatro do Parque neste domingo (3)
Música

Isabella Taviani se apresenta no Teatro do Parque neste domingo (3)

Pernambuco autoriza vacinação contra a influenza para todos os moradores a partir de seis meses
Saúde

Pernambuco autoriza vacinação contra a influenza para todos os moradores a partir de seis meses