Volks testa tecnologia 5G na linha de produção e mira fábricas inteligentes

Esse projeto de tecnologia 5G visa o desenvolvimento para produção industrial

Nova tecnologia 5G na fábrica da Volkswagen, em Wolfsburg - Divulgação/Volkswagen

A Volkswagen está projetando suas fábricas totalmente conectadas. Disponível desde o início dos testes, a empresa adicionou uma rede local estacionária 5G em sua principal unidade, em Wolfsburg, na Alemanha, com objetivo de cobrir a ala piloto e o centro de desenvolvimento. 

Esse projeto de tecnologia 5G visa o desenvolvimento para produção industrial e segundo a empresa, uma frequência de rádio 5G específica será usada para garantir uma transmissão de dados segura e sem “delay”

"Com a implementação de nossa estratégia ACCELERATE, estamos trabalhando a toda velocidade para transformar as instalações da Volkswagen em fábricas inteligentes. Nosso objetivo é otimizar continuamente nossa produção e torná-la ainda mais eficiente e flexível. Acreditamos que a tecnologia 5G traz um grande potencial de inovação, desde o uso de robôs inteligentes e sistemas de transporte sem operadores ao controle em rede da fábrica e do maquinário em tempo real, com software remoto sendo gerado pelos veículos fabricados", explica Christian Vollmer, membro do Conselho de Administração da Marca Volkswagen responsável pela Produção e Logística.

Transferência de dados em tempo real para a produção

Em Wolfsburg, já existem cerca de cinco mil robôs, que realizam uma transmissão de dados sem atrasos e que será necessária no futuro para monitorá-los. A latência, ou seja, o tempo necessário para que os dados sejam enviados através da rede, é reduzida significativamente com o uso de redes 5G, em comparação com outras tecnologias de comunicação sem fios, como a WLAN. 

"Uma comunicação remota eficiente em tempo real será crucial para a produção flexível no futuro. A tecnologia 5G tem potencial de ser um desses recursos na Internet das Coisas industrial. Nosso objetivo, portanto, é reunir uma ampla experiência na operação e uso industrial da tecnologia 5G", disse Beate Hofer, CIO do Grupo Volkswagen.

Veja também

Ciro: Lula orienta PT a aprovar pautas para manter viva a candidatura de BolsonaroPolítica

Ciro: Lula orienta PT a aprovar pautas para manter viva a candidatura de Bolsonaro

Muito volátil antes da decisão da Opep+, petróleo fecha em altaPetróleo

Muito volátil antes da decisão da Opep+, petróleo fecha em alta