Luciano Bivar vai a Luís Roberto Barroso protocolar ata do União Brasil

Luciano Bivar vai à mesa com luís Roberto Barroso nesta quarta-feira (20)

Presidente do União Brasil, Luciano Bivar vai à mesa, amanhã, com o ministro Luís Roberto Barroso, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O dirigente pernambucano segue, hoje, para Brasília quando deve acertar os detalhes do encontro, no qual pretende protocolar a ata do novo partido, resultante de fusão entre o DEM e o PSL. "Vai ser um ato simbólico. A gente não queria protocolar por baixo, porque uma fusão dessa é algo muito significativo. Será uma deferência, para o presidente do tribunal não saber da fusão através de seu protocolo", observa Luciano Bivar. A fusão já foi votada nas comissões executivas do DEM e do PSL, houve eleição da comissão provisória, há estatuto constituído e o partido, agora, aguarda chancela do TSE. Bivar deve comparecer, acompanhado de ACM Neto, secretário-geral do União Brasil, à reunião com o ministro Barroso.

Ontem, em visita à Folha de Pernambuco, ao lado do deputado federal Fernando Filho e do ex-ministro Mendonça Filho, Luciano Bivar definiu o União Brasil como "uma cruzada democrática contra tudo que agride a democracia". O ministro Barroso, por sua vez, foi alvo de sucessivos ataques do presidente Bolsonaro e chegou a reagir, chamando o chefe do Planalto de "farsante". “Todas as pessoas de bem sabem que não houve fraude (nas urnas eletrônicas) e quem é o farsante nessa história", disparara Barroso, que chegou a fazer reflexão sobre a "recessão democrática no mundo". A despeito da adoção da mesma linha de raciocínio, em defesa da democracia e em contraponto às provocações do presidente Bolsonaro, Bivar descarta essa coincidência de visões com Barroso como pano de fundo da conversa a ser realizada amanhã. "Não acredito que ele receba pelo fato de a gente ser oposição ao Governo Federal. Mas, sim, porque é um ato político, estatutário e, como caminha  hoje a democracia, ele, como representante, presidindo o TSE, tem todo interesse de que as coisas caminhem numa direção legal".

Tirando o sono
"Todas as vezes que alguém fustiga a democracia, eu não durmo à noite. Eu não sei se sou velho...Quando a gente é mais jovem, nem se preocupa com isso, alguém vai resolver por a gente. Mas, agora, cabe a nós essa preocupção. Então, toda vez que essa democracia é fustigada, provocada a gente tem que reagir". A fala é do presidente nacional do União Brasil, Luciano Bivar, ao tratar do sentimento que estimula a fusão do DEM e do PSL . Ele emenda: "E a gente só se une se tem medo de alguma coisa diferente que possa acontecer".

Fantasmas > Ainda sobre o tema democracia x gestão Bolsonaro, Bivar recorre ao bom humor: "Não sei se vejo fantasmas, mas tenho conversado com alguns amigos políticos que dizem: "'Não, Luciano, você não vê fantasmas e isso pode acontecer'".

Roteiro  > Irmão do prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, o deputado federal Fernando Filho realça que o gestor vai percorrer 75 cidades do Estado até o Natal, de 21 de outubro a 20 de dezembro. O gestor começa o périplo na próxima quinta-feira e a estratégia é que, a cada 15 dias, ele repita uma mesma região.

CPFs > Líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho vem de Brasília com Jair Bolsonaro na próxima quinta-feira e acompanha agenda do presidente, que fará entrega trecho do Ramal do Agreste em Pernambuco. Em função disso, FBC deve chegar já no final do roteiro que Miguel Coelho também cumpre no Estado no mesmo dia. Miguel não acompanha o presidente.

Veja também

Revista Digital FMOTORS | Edição Dezembro 2021Revista Digital FMOTORS

Revista Digital FMOTORS | Edição Dezembro 2021

Florentín destaca entrega do time e agradece apoio da torcida contra o FlamengoSport

Florentín destaca entrega do time e agradece apoio da torcida contra o Flamengo