No MDB, hipótese de Raul Henry ser vice está fora de cogitação

João Campos e Raul Henry - Divulgação

Após cumprir a liturgia necessária, o MDB formalizou, ontem, o que já era aguardado: vai apoiar João Campos na corrida pela Prefeitura do Recife. Na esteira do anúncio, parlamentares próximos do prefeiturável passaram a tirar a temperatura, nos bastidores, em torno da possibilidade de o presidente estadual da sigla, Raul Henry, vir a ser vice do herdeiro de Eduardo Campos. Chegou-se, em conversas reservadas, a se realçar o perfil experiente de Henry e o peso que isso agregaria à chapa. Mas a referida tese deve acabar estancada por aí mesmo, na fase de testes. No MDB, ela não encontra qualquer aderência. O partido chegou a ter nomes como Murilo Cavalcanti (secretário de Segurança Urbana do Recife) e Fernando Duere (suplente do senador Jarbas Vasconcelos), ventilados para integrarem a vice do PSB. No entanto, nenhum dos dois se desincompatibilizou e, no partido, esse fato é suficiente para encerrar o debate sobre o tema. Se a ideia entre aliados de João Campos, que caíram em campo para sondar essa possibilidade, era tirar a temperatura, nas hostes emedebistas, isso é tido como "fora de cogitação". Na legenda, o que se assegura é que o foco de Henry é cumprir o mandato de deputado federal.

 

A perder de vista
Nas oposições, já não se aposta mais que haja um entendimento antes do dia 27 de setembro, limite para encerramento das convenções. Uma bolsa de apostas dá conta de que o ex-ministro Mendonça Filho deve usar o prazo todo até decidir se será candidato. Por outro lado, se faz uma avaliação, nas coxias, de que Daniel Coelho não deve abrir mão de disputar.

Mão dupla > Daniel Coelho esteve com o prefeito Anderson Ferreira, a quem declarou apoio do Cidadania na corrida pela Prefeitura de Jaboatão. Anderson, ontem, também esteve com o senador Jarbas Vasconcelos, do MDB, e já há uma próxima agenda no radar do presidente do PL no Estado: com Mendonça Filho.

Bolsa de... > Embora Jarbas tenha estado com Anderson Ferreira, a agenda pode se configurar em mais um gesto de cordialidade, uma vez que o MDB tem o vereador Daniel Alves no páreo e conta com apoio do PSB para isso. 

...apostas > Entre as apostas do MDB para corrida majoritária está a prefeita de Panelas, Joelma Campos. O partido comemora resultado de pesquisa, realizada pela Simplex. Em um dos cenários da estimulada, ela chega a 63,7% dos votos válidos. A referida consulta foi registrada no TRE sob o número PE-01189/2020.

Tête-à-tête > A conversa que o senador Humberto Costa teve, anteontem, no Palácio das Princesas, com o governador Paulo Câmara, como a coluna antecipou, foi a primeira após a decisão final do PT de ter candidatura própria à Prefeitura do Recife.

Fim do túnel > Sobre a pauta, Humberto disse: "Vamos discutir no PT como fica a situação em relação à participação no governo estadual, mas, principalmente, em relação à Prefeitura do Recife, que é um tema que vamos precisar enfrentar de todo jeito".

Em tese > Indagado se os cargos que o PT ocupa nas gestões do PSB serão entregues, Humberto devolve: "Não entramos no mérito". Explica que o governador “concordou que seria necessário discutir". 

Vão pensar > Segundo Humberto, os diretórios municipal e estadual vão debater e haverá outra conversa com o prefeito Geraldo Julio e com Paulo Câmara. "Vamos fazer as coisas corretamente", assinala.