Novo protocolo de reabertura de Noronha pode sair ainda hoje

Fernando de Noronha - Divulgação

Havia expectativa de que o novo protocolo de reabertura da ilha de Fernando de Noronha fosse consolidado ainda na semana passada, o que acabou não ocorrendo. Esta semana, no entanto, já foi marcada por reuniões decisivas nesse sentido. Ontem, o que se dizia no Palácio do Campo das Princesas era que o entendimento havia avançado a ponto de que o anúncio, previsto inicialmente para amanhã, poderia até mesmo ser feito ainda hoje.

Administrador da ilha, Guilherme Rocha esteve reunido com o promotor Flávio Falcão, que mediou a criação de um protocolo original, formatado com a participação de empresários e da sociedade civil, mas que acabou não sendo colocado em prática, o que também motivou os protestos realizados no arquipélago e no Recife no último dia oito. Mais uma vez, na última sexta-feira, um grupo formado por donos de pousadas, comerciantes, empresários e trabalhadores se reuniu em frente ao Palácio São Miguel, sede da Administração da Ilha, em mobilização por uma abertura mais ampla, que vá além da permissão só para turistas que já tiveram Covid-19. Em meio à pandemia, o arquipélago foi aberto para turistas no último dia primeiro, mas com uma restrição: só para aqueles que já tiveram Covid-19. Agora, um novo protocolo será anunciado com a ampliação do acesso e exigência de realização de testes ainda no aeroporto da ilha e, mais uma vez, após dois dias. A nova regra deve passar a valer no início de outubro. 

 

Desembarque ainda tímido
No primeiro final de semana após a reabertura de Fernando de Noronha para turistas que já tiveram Covid-19, segundo registros da administração da ilha, só quatro turistas desembarcaram por lá. No final de semana seguinte, foram 25 e no subsequente 28. Há quem aponte previsão de 100 turistas para esse final de semana que se avizinha e há expectativa de retomada com mais ênfase após anúncio do novo protocolo.

Método > Havia intenção do governador Paulo Câmara de viabilizar uma máquina de teste rápido a ser instalada no aeroporto de Fernando de Noronha. Ontem, se falava em novo método que inclui habilitar um laboratório a realizar os testes também no aeroporto da ilha, e o exame seria repetido dois dias depois para assegurar uma "janela de confiabilidade".

Anfitrião 1 > Responsável pelo Jurídico da campanha de Marília Arraes, Walber Agra, no início do ano, chegou a receber, além da petista, mais dois prefeituráveis em sua casa: Túlio Gadêlha e Patrícia Domingos. Walber, que comanda uma equipe e advoga também em outros estados, à coluna, realça: "Eu não faço advocacia de partido". Patrícia passou por lá acompanhada do presidente estadual do Podemos, Ricardo Teobaldo.

Anfitrião 2 > Foi na casa de Walber Agra, como a coluna cantara a pedra, o jantar recente que reuniu o senador Randolfe Rodrigues e lideranças do PDT, como o próprio Túlio, além do presidente nacional, Carlos Lupi, e de Wolney Queiroz. Professor de Direito da Universidade Federal de Pernambuco, do mestrado e do doutorado, é desse título que Walber mais se orgulha. 

Primeira edição > Nos próximos dias 26, 27 e 28 de outubro, Walber Agra estará à frente do 1º Congresso Brasileiro da Faculdade de Direito do Recife. Só para estas eleições, ele lançou um ebook, a 3ª edição do Manual Prático de Direito Eleitoral e a 8ª edição do Elementos de Direito Eleitoral, com o ministro Carlos Velloso.