Hanói: parada obrigatória no Vietnã!

Entre os atrativos estão tour de caiaque e visita a cavernas

Fabiano Antunes/@rota1976

Quem vai ao Vietnã, certamente já tem na programação conhecer as famosas ilhas de Halong Bay. É de fato imperdível! Você chega lá de barco, num passeio que a vista é tão linda que nem sentimos o tempo passar. De lá, saem os barquinhos em grupos para o passeio mais próximos às montanhas e também por dentro de cavernas. Você também pode fazer passeio de caiaque. O almoço é no próprio barco, já incluso no pacote (arroz, salada, peixe frito) somente a bebida é paga à parte. Acompanhe  gente também no Instagram, onde você pode receber várias dicas de viagem e conhecer paisagens incríveis! É só clicar AQUI!

Escreva a legenda aqui

A baia é linda! Cada montanha, cada barquinho que por ali passa compõe uma paisagem incansável. A lenda diz que as rochas gigantescas foram cuspidas por dragões enviados pelos deuses para defender os vietnamitas dos chineses. Será? Em uma das paradas é possível caminhar por uma ilhota, até chegar a uma caverna multicor e um mirante. A caverna colorida chama atenção pelos efeitos visuais mas me pareceu um pouco brega. Prefiro a natureza, sem esse “enfeite todo”. O passeio todo dura em média seis horas, vale muito a pena! Não viaje sem o seguro viagem, para adquiri-lo basta clicar AQUI!

Escreva a legenda aqui

Para chegar a este paraíso requer um pouco de sacrifício como tudo que é bonito na vida. São umas 4 horas de busão. O passeio eu contratei por uma agência lá mesmo em Hanói. O valor foi de 24 dólares pela excursão standard de um dia (incluindo o passeio de kayak), a diferença entre esta opção e a mais cara é basicamente o menu do almoço. O retorno pro hotel acontece já bem tarde, por volta das 21h. Você tem a opção de dormir mais próximo das ilhas, mas eu preferi fazer bate e volta pra não ter que tá mudando de hotel, o que pra mim cansa muito mais. Para quem tem mais tempo ainda pra o Vietnã, que tal acrescentar as cidades de Sapa (caminhadas, montanhas e trekking) e Ho Chi Minh (procurada por causa de suas praias e ar de cidade mais desenvolvida)? Quer conhecer sobre Bangkok? A gente tem 10 dicas incríveis pra te dar. É só clicar aqui!

 

Carta de Aprovação (não se esqueça dela, jamais!)

Deixei pra falar do visto no final deste post para que você fique com ele bem lembrado na cabeça. Para entrar no país você precisa de um carta de aprovação. No check in a atendente vai logo perguntar pela “aproval letter. Essa carta deve ser obtida antes de você chegar lá porque requer uns dias para sua aprovação. Caso contrário terá que ir numa lan house no aeroporto e pedir a carta em regime de urgência, o que a torna bem mais cara. Paguei em torno de 70 dólares para obtê-la em 2 horas. Detalhe, o vôo estava marcado para antes e tive que comprar outro bilhete, ou seja, você se ferra todo se não tiver esta bendita carta.

Escreva a legenda aqui

Em solo vietnamita, você precisa de 2 fotos 5×7 ou 3×4 e uma “taxinha” de 45 dólares, caso a sua entrada no país seja única. Se quiser entrar e sair por lá mais de uma vez a taxa passa para 65 USD. Esse valor tem que ser pago em dólar ok? No aeroporto troque o dinheiro apenas para pegar uma van ou táxi, pois na cidade todo lugar troca o dinheiro e a cotação é bem melhor. Inclusive os hotéis fazem a troca da moeda sem problema. Do aeroporto para a cidade você pode escolher entre a opção mais em conta, que é a van coletiva ou a mais cara que é o táxi. Fui de van, obviamente. Escolha vans identificadas com a logomarca das empresas Vietnam Airlines ou Vietjet. O valor é entre 40-50 mil dongs (mais ou menos 10 reais) para te levar até o centro e principal região dos hotéis. Um táxi convencional custa em torno de 570 mil dongs, ou seja, 100 reais. Para ler mais sobre este destino é só clicar AQUI!

 

 

Veja também

Prefeitura do Recife autoriza contratação de 22 profissionais para a Secretaria da Mulher
oportunidade

Prefeitura do Recife autoriza contratação de 22 profissionais para a Secretaria da Mulher

De São Paulo a Campinas em 1 hora: novo Trem Intercidades deve ter vagões com dois andares; conheça
TRANSPORTE

De São Paulo a Campinas em 1 hora: novo Trem Intercidades deve ter vagões com dois andares; conheça