Roteiro de 4 dias em Ilhabela, vamos nessa?

Pra chegar e sair de Ilhabela-SP mesmo que seja num final de semana sem ser feriadão já adianto que é preciso paciência. A balsa tem sempre fila e não é pouca. Nesta minha segunda vez por lá peguei 3h30 de fila na ida e 2h30 na volta. Se liga que a balsa só aceita pagamento em dinheiro ou tag (cartão de pedágios). Não rola nem Pix blz? O trajeto dura uns 20 min e você chega num paraíso do litoral paulista. Acompanhe a gente também no Instagram, onde você pode receber várias dicas de viagem e conhecer paisagens incríveis! É só clicar AQUI!

                 

A travessia custa R$ 18 dias de semana e R$ 28,50 final de semana e feriados (para carros). Existe a opção de você comprar antecipadamente e aí precisa estar no acesso à balsa na hora agendada ok? Ainda assim tem fila, mas anda mais rapidamente. Abaixo segue um roteiro bem prático pra quem quer conhecer a ilha sem muito perrengue, se estiver de carro, melhor ainda! São praias com trilhas curtas e de fácil acesso, ideal pra quem vai de primeira vez.

Dia 01 – Armação

Localizada ao lado do farol da Ponta das Canas, a Praia da Armação é muito frequentada por velejadores e amantes de esportes náuticos. Ela tem tem 650 metros de extensão, sendo uma das melhores para prática de esportes de vela, pois é onde o efeito de canalização dos ventos no canal de São Sebastião atinge o ápice. A praia dispõe de restaurantes com banheiros e duchas. Tem uma charmosa igrejinha, a Capela Imaculada Conceição, ótima pra fotos, principalmente para quem for de casal. Lá junto da capela tem um pneu pendurado em cordas numa árvore, que serve de balanço. Rende boas fotos com a praia ao fundo.

Escreva a legenda aqui

Pinto

De fácil acesso para quem estiver de carro ou busão, esta praia é muito apropriada para família com crianças. Tem águas bem paradas, sem ondas. Lá tem um píer de onde é possível pular tranquilamente, se der sorte dá pra ver inclusive tartarugas e arraias de tão cristalina que é a água. Tem uma extensão bem pequena (400m) e conta com bares. Pra chegar lá, o visitante pode acessar através do condomínio de alto padrão com entrada pela avenida principal (há placa de sinalização da praia), onde há uma viela aberta aos visitantes para acesso a pé; ou pela Praia da Armação, caminhando pela calçada construída sobre o costão que une as duas praias.

Sino

A praia do Sino fica logo na sequência. Dá pra fazer as três numa pernada só. Esta é muito conhecida porque reza a lenda que quando pedras são batidas nas rochas emitem som semelhante aos sinos. Uma passarela, que fica junto a um bar, leva o turista a vários pontos onde é possível fazer esse teste. No local tem restaurantes e também opção de guarda sol e cadeira na praia. Não cobram por uso mas pedem que o cliente consuma algo.

Dia 02 – Siriúba

                 

A Praia da Siriúba tem fácil acesso e uma extensão de aproximadamente 550 metros. A faixa de areia é larga e tem alguns pontos de estacionamento próximo. O mar é calmo exceto em dias de ventos fortes. Aí fica bacana pra quem curte kitesurfe. No lado direito existe uma capela, construída em 1931, que pode ser acessada por trilha sobre pedras. E seguindo esta mesma trilha você chega à Praia do Arrozal, que tem ganhado fama por causa de um píer com uma porta. A turma tá adorando postar nas redes sociais.

Viana

A Praia do Viana é bem perto da Siriúba, uma delícia de banho. Água calma, cristalina e um visual lindo cheio de embarcações e um beach club com restaurante aberto ao público com ducha e até vaporizador pros dias de muito calor. A praia tem algumas rochas, então precisa ter cuidado com as crianças. Demora a ficar funda e tem uma faixa de areia bem tranquila pra garotada brincar.

Na ponta dela, há uma área cheia de sombra, ótima pra quem quer fazer piquenique, deitar na grama e relaxar. Somente no final de tarde aí os mosquitos vão chegando e expulsam que está ali ou exigem que passem repelente urgentemente. É um local pra você chegar e curtir sem pressa, ideal pra família.

Dia 03 – Feiticeira

A Praia da Feiticeira é uma das mais bacanas. Pequena e sem ondas fortes, praticamente só marolas. Uma delícia pra tomar banho. Se for com criança ou não souber nadar só fique atento à profundidade porque ela fica funda em poucos passos à frente ok? Na areia, aluguel de guarda sol e cadeira por R$ 15 cada item. Tem barraca servindo drinques mas não há bares e restaurantes. Pra estacionar pela região, cobram entre R$ 20 e R$ 50, uma rua outra transversal da principal você pode achar aquela vaga e não gastar com estacionamento.

             

Julião

Também conhecida como Prainha, é uma das praias mais lindas de Ilhabela. Fica a 5,5 km ao sul da balsa e 12 km ao sul da vila da ilha. Você pode visitá-la depois de conhecer a Praia da Feiticeira (que falei acima), pois estão a 500m uma da outra. Pra chegar na Praia do Julião, o visitante desce uma pequena trilha super acessível e depois de poucos passos dá de cara com um paraíso.

Peixinhos

Se puder, evite finais de semana e feriados pois ela fica bem cheia. Bem melhor pegar um dia tranquilo pra fazer fotos e relaxar bem. Tem várias rochas, se estiver com crianças redobre o cuidado. As ondas são fracas e o banho uma delícia, não dá vontade de sair do mar. Ah, tem uma área de sombra enorme por causa das árvores em volta e muita gente leva culer, comida, etc. Tem bar e restaurante próximo além de ambulantes vendendo comida e bebida. Nesta praia é fácil ver peixinhos coloridos como aqueles famosos de Porto de Galinhas ou Maragogi, então vale levar esnorkel se curtir ficar flutuando e observando os peixes, a garotada também se diverte um monte.

                                             

Praia Grande

Um quilômetro após a Praia do Julião e você já chega na Praia Grande. Ela tem 600 metros de extensão, sendo uma das maiores da ilha. Por lá, você encontra algumas vagas de estacionamento bem na frente (são poucas). Tem um píer com linda vista para o pôr do sol e de onde algumas pessoas também aproveitam pra dar aquele tchibum dando saltos. A água é bem cristalina.

Infra

Tem bares com boa infra, mesas na areia e também no terraço mais alto, além de banheiros e alguns música ao vivo (cobram couvert). Vale a pena sentar, pedir um drinque e admirar o finalzinho do dia em mais uma praia pra fechar o roteiro em grande estilo.

Dia 04 – Paquetá

Escreva a legenda aqui

Pra gente não ficar só de praia, que tal conhecer uma cachoeira por lá? Pra mim é a paisagem mais imperdível de Ilhabela. Ficou famosa por causa da borda infinita natural. O visual é realmente surpreendente! Os moradores locais começaram a postar fotos com a hashtag #secretpoint e daí este lugar foi ganhando fama. Para chegar lá você precisa descer no bairro do Bexiga (o motorista do busão indica onde descer), se tiver com GPS coloque “Rua Nagib Pombo, 1 – Ribeirão”. E aí começa uma trilha mediana (sem muito perrengue mas que precisa cuidado). Meia hora e você chega no principal poço pra banho.

São três poços pra banho. O primeiro fica a uns 15 ou 20 minutos de caminhada. De lá, tomando cuidado (pra não escorregar) cruze o poço pelas pedras para o lado direito e siga a trilha para cima. No caminho estão mangueiras de captação de água que passam pela trilha, elas abastecem as casas da região. Servem de guia de caminho mas tenha cuidado pra não danificá-las e deixar a população sem água.

Chegando até o topo onde está a piscina de borda infinita natural, tome muito cuidado onde pisa pra não escorregar, pois um mínimo descuido poderá ser fatal. Todo cuidado é pouco! Pra fazer fotos, siga sempre com calma, vá sentado aos poucos e sempre pressionando seu corpo pra dentro do poço e não pra onde a água está escoando. Para este atrativo, leve repelente e água. Como é área mais fechada com mata tem muito mosquito, principalmente final de tarde. E água pra vender você só encontra no início do acesso à trilha.

Curral

             

Quando você descer da trilha da Cachoeira Paquetá aproveite pra ver o pôr do sol na Praia do Curral. O lugar também é bacana pra banho, tem ondas e conta com vários restaurantes onde você pode pedir um petisco e esperar o sol se por. Com exceção do DPNY Beach Hotel & Spa, que cobra R$ 150 por pessoa (acesso ao lounge da praia – sem consumo algum) e R$ 300 por pessoa para o day use (acesso também à piscina – sem consumo algum), os restaurantes por lá não cobram consumo mínimo, contam com banheiros e ducha pra lavar os pés. Bem na frente da praia, tem um estacionamento pago R$ 20. Na Praia do Curral é possível alugar caiaque R$ 15 (30 min) ou R$ 20 (1 hora); equipamento para mergulho (flutuação) R$ 30 (1h30 de uso), stand up R$ 50 (40 min profissional) e R$ 30 (40 min iniciante) e body board R$ 10.

Ônibus mais barato

Pra quem vai usar o busão nesta viagem, uma dica importante: você pode adquirir gratuitamente já na chegada da balsa em Ilhabela um cartão de transporte, em que a passagem sai mais barata. Basta carregar o cartão (apenas em dinheiro e nos equipamentos que estão em vários pontos da cidade) com valor que você quiser. No cartão, a passagem custa menos da metade da que você paga diretamente no ônibus. Se vai ficar vários dias e utilizar muito o ônibus, é uma economia a ser considerada.

Mosquitos

Esta é uma preocupação de todos que pensam ir à Ilhabela. E não é à toa viu, eles existem e são muitos mesmo. Já adianto que o repelente comum que a gente leva pra qualquer lugar não funciona pra quase nada. Ideal é comprar o CITROilha. Eles são tão presentes por lá que existe uma produção local de repelente mais eficiente para os bichinhos da ilha. Ainda assim, você vai levar muita picada ok?

Escreva a legenda aqui

Mas calma que não é um arrastão de mosquitos em todo lugar. Várias praias que visitei não senti qualquer um deles me picando. Quanto mais mata em volta da praia, mais eles estão presentes, também aparecem mais do meio pro final da tarde. As praias do mar de fora onde o acesso é mais complicado por trilha ou jipe, essas sim são as que abrigam maior quantidade deles. As praias do mar de dentro são mais light nesse sentido do mosquitômetro. O CITROilha custa R$ 28 (ref.set.2023)

Noite

A noite em Ilhabela é uma delícia. O bacana é que existem diversos “centrinhos” espalhados nas proximidades das praias de um lado a outro. Então, onde você estiver, terá opção de gastronomia e alguns serviços sem precisar andar muito. Mas o centro mesmo para onde a turma toda quer ir é chamado de Vila de Ilhabela. Lá, estão concentrados os bares e restaurantes, lojas de souvernirs, ateliês e até algumas baladinhas pra quem quer esticar a noite.

Na Vila você pode conhecer também a Praça da Fonte, prédios históricos como a antiga cadeia e fórum, Igreja Nossa Senhora D´ajuda e Bonsucesso, etc. É muito bacana de bater perna por lá, tá sempre bem movimentado e tem opção pra todo tipo de bolso, inclusive conta com mercadinhos onde sempre dá pra comprar algo mais em conta.

Nesses dias em Ilhabela minha casa foi a pousada Mariola, que fica num local pra lá de privilegiado. Encravada na montanha (sim, os quartos foram construídos em cima de rochas enormes) e próxima ao mar, tem uma vista linda da praia. Parece mais um quadro! E da pra gente curtir o visú da cama, varanda e até da janela do banheiro. Uma delícia tomar banho assim! Tem varanda com mesinha e cadeiras, quarto bem amplo com frigobar, TV e bancada, cama grande e confortável.

              

Fica a 300 metros da praia do Saco da Capela e 1 km da Vila (Centro histórico de Ilhabela), onde se concentram bares e restaurantes. A pousada conta com 20 apartamentos e os da categoria super luxo ainda tem hidromassagem. Por questões de segurança, uma vez que os quartos estão em áreas altas e sob rochas não aceita crianças menores de 8 anos. Para esse tipo de hospedagem oferece os chalés Mariolinhas que ficam na parte baixa da pousada.

                

A pousada dispõe de uma recepção 24 hrs, estacionamento e Wi-Fi gratuitos, e uma deliciosa piscina com vista pro mar. O café da manhã é bem gostoso e variado: frutas, pães, misto, tapioca e ovos feitos na hora, geleias, queijos, doces, tortas, pão de queijo e muito mais! Super recomendamos. Pra completar a excelente experiência que tivemos o atendimento é cheio de simpatia e gentileza, o que torna tudo ainda melhor! A Pousada Mariola fica na Rua Chico Reis, 304, no Saco da Capela, Ilhabela/SP. Telefones de contato: (012) 3896-4141 | (012) 3896-1941e para mais informações é só acessar o perfil do Instagram a seguir: @pousadamariola

Veja também

BBB 24: Davi, Michel, e Alane estão no paredão; eliminação é na próxima terça (5)
BBB 24

BBB 24: Davi, Michel, e Alane estão no paredão; eliminação é na próxima terça (5)

Primeiro jogo do Fortaleza desde atentado sofrido é interrompido por falta de condições do gramado
Copa do Brasil

Primeiro jogo do Fortaleza desde atentado sofrido é interrompido por falta de condições do gramado