Em noite de apresentação, o Leão fica no “só Love” com o VAR

Finalmente o árbitro de vídeo não prejudicou o Sport nesta temporada

O Sport venceu o Guarani por 2x1 e ganha sobrevida na tabela de classificação da Série B - Foto: Rafael Bandeira/Sport Club do Recife

Em plena noite em que o atacante Vágner Love foi apresentado à torcida rubro-negra, o Sport finalmente “fez as pazes” com o VAR na temporada. Foi baque atrás de baque até chegar a esse dia. Quem não lembra da final do Nordestão contra o Fortaleza?! E o pênalti não marcado em cima de Búfalo, na partida de ida contra o Guarani ainda no primeiro turno, hein?!

Pois bem, ontem, depois de o Leão já ter feito o primeiro gol em cima do Guarani, o atacante Nicolas Careca empatou, mas o árbitro André Luiz de Freitas Castro foi chamado pelo árbitro de vídeo para verificar uma possível falta em Pedro Naressi.  E com isso, acabou anulando o gol do Bugre.

Concordei com o juiz. Eu marcaria essa falta sem pestanejar, pois o jogador adversário meteu o cotovelo nas costas de Naressi, empurrando-o de forma desleal. Mas a gente sabe que, por muito menos, o VAR já fez muita “vista grossa” no futebol brasileiro. O Flamengo que o diga, né?! Tomara que esse “só Love” com o VAR tenha chegado pra ficar.

 

 

Veja também

Publicidade Legal - 08 de Agosto de 2022 - Editais e balanços

Publicidade Legal - 08 de Agosto de 2022 - Editais e balanços

Cuba segue combatendo um gigantesco incêndio
Cuba

Cuba segue combatendo um gigantesco incêndio