A-A+

No Brasileirão, o Sport era uma ovelha, mas agora é um Leão

No dia da vitória de 3x1 em cima do Juventude, na Arena de Pernambuco, Hernanes, para se acalmar, pegou o cooler cheio de gelo e virou na própria cabeça

O Profeta (D) precisa se acalmar mais em campo, mas não precisa de tanto. Por conta da cabeça quente dele quem sai perdendo é o Sport - Foto: Anderson Stevens/Sport Club do Recife

Quando o jogo do Sport contra o Juventude, ontem, na Arena de Pernambuco, já estava terminando, uma cena chamou a atenção de todo mundo, justamente no dia do retorno da torcida rubro-negra aos estádios. O experiente meia Hernanes pegou o cooler cheio de gelo e virou na própria cabeça e, por isso, levou um cartão amarelo de advertência. A risadagem no banco de reservas rubro-negro foi geral. Só o técnico Gustavo Florentín não gostou do que viu. Mas por que ele fez isso? Nas redes sociais, o Profeta justificou que aquela atitude acalma quando está nervoso. Segundo ele, durante o confronto, chegou a ser agredido por um adversário em campo e precisava extravasar. “Eu era uma ovelha, mas agora sou leão! Não vou aceitar mais injustiças! Vou rugir! ”, afirmou. Pense na figura!

Apesar de parecer ter uns mil parafusos a menos na cabeça, Hernanes vem sendo uma figura importante no time leonino nesse ressurgimento das cinzas. Na vitória de 3x1 de ontem em cima dos gaúchos, os comandados de Florentín voltaram a jogar como gente grande e, o que é melhor, com a garotada prata-da-casa atuando com personalidade.

Justamente por isso que é bom que ele, toda vez que sair de casa para um jogo, derrube um bocado de cooler na cabeça. Afinal, vem se irritando demais ao ponto de levar cartões desnecessários nas partidas. Tudo bem que, antes de ser jogador, o cara tem o coração rubro-negro, mas tais atitudes podem prejudicar, e muito, o Sport na competição. Só para se ter uma ideia, no próximo jogo, contra o Corinthians, também aqui em casa, ele estará cumprindo suspensão. Então abre o olho e se molha mais em casa, Profeta!  

Veja também

Após derrota, Florentín lamenta "resultado injusto" e ainda crê em permanência: "Sempre teremos fé"
Sport

Após derrota, Florentín lamenta "resultado injusto" e ainda crê em permanência: "Sempre teremos fé"

Sport é derrotado pelo São Paulo e vê permanência ainda mais distante
Série A

Sport é derrotado pelo São Paulo e vê permanência ainda mais distante