Alimentação é importante aliada para controlar a depressão

O nosso corpo produz serotonina, um neurotransmissor, que oferece ao nosso cérebro a sensação de bem-estar - Pixabay

Olá, leitores e internautas que acompanham a coluna Saúde e Bem-Estar da Folha de Pernambuco

Segundo o Ministério da Saúde, 24 milhões de pessoas sofrem de depressão na América latina. O nosso corpo produz serotonina, um neurotransmissor, que oferece ao nosso cérebro a sensação de bem-estar e melhoria do humor e sono, que tem como percurso o triptofano, que é um aminoácido essencial. Por ser um aminoácido essencial, nosso corpo não é capaz de produzir o triptofano, então é preciso ingeri-lo por meio da alimentação. Isso tudo é um processo bioquímico. Vamos conferir alimentos que ajudam na formação da serotonina? Só esclarecendo que a medicação não deve ser excluída, caso tenha sido passada por um psiquiatra, bem como a terapia, do psicólogo, para quem está com algum distúrbio emocional.

 -A melancia, o abacate, o limão, mamão, tangerina – contém a substância triptofano, precursor da serotonina, regulando o humor. Recomendamos de 3 a 5 frutas por dia.

-Iogurte – fonte de cálcio, diminui a irritabilidade

-Maçã e Laranja – ricas em ácido fólico, sendo importante para controle de quadro de depressão. A laranja tem vitamina C, melhora o sistema nervoso, a fadiga e o estresse.

-Castanha-do-Pará, nozes e amêndoas – fontes de selênio, um poderoso antioxidante, colaborando com a redução dos sintomas da depressão.

-Banana e Abacate – tem carboidrato, magnésio, potássio e vitamina B6, produzindo energia e diminuem a ansiedade.

-Ovo – fonte de tiamina e a niacina (do complexo B), bom humor em alta.

-Aveia – alimento fibroso, bom para o intestino, combatendo a ansiedade e depressão.

Estamos na Campanha Setembro Amarelo – mês de prevenção ao suicídio. Uma das causas do suicídio é a depressão, portanto, controlar e combater a depressão são passos importantes para evitar o suicídio.

95% dos nossos neurotransmissores são produzidos no intestino, portanto, vamos cuidar bem desse órgão tão importante para a nossa saúde mental com comida de verdade, frutas, verduras, legumes, grãos e menos enlatados e embutidos.

Busque a sua melhor versão!

Saúde em Pílulas

Adolescente – Hoje é o Dia do Adolescente e a oftalmopediatra Ana Carolina Valença Collier, do Instituto de Olhos do Recife (IOR), informa que a luz emitida por aparelhos eletrônicos causa fadiga ocular e contribui para o ressecamento dos olhos. “A exposição excessiva pode desencadear queixas como ardor, lacrimejamento, coceira e mesmo sensação de corpo estranho nos olhos. Nesse caso, deve-se consultar o oftalmologista para investigar as causas e receber o tratamento”, recomenda. Como sabemos o adolescente, no geral, fica até altas horas da noite mexendo com o smartphone e é preciso prudência no seu uso.

Teleconsultas - Recife foi o primeiro município a contar com o atendimento de teleconsultas oferecido pelo Regula Mais Brasil, projeto do PROADI-SUS que usa ferramentas de telessaúde para regular o acesso de pacientes a médicos especialistas no SUS. Foram mil teleconsultas desde maio de 2020, 87% delas realizadas na capital pernambucana. As teleconsultas são realizadas pelos médicos do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, HCor, Hospital Israelita Albert Einstein, Hospital Moinhos de Vento e Hospital Sírio-Libanês em especialidades como cardiologia, endocrinologia, neurologia, reumatologia, ortopedia e traumatologia. “Estamos ofertando uma média de 100 atendimentos por semana, e fazendo com que pacientes que estão aguardando na fila de espera por uma consulta presencial tenham sua condição de saúde avaliada sem sair de casa.”, destaca a líder do projeto, Sabrina Gadenz.

Comemoração - A Ti. Saúde, plataforma de relacionamento em saúde, proporcionando melhor gestão do paciente, comemora mais de 3000 profissionais de saúde cadastrados, no primeiro semestre de 2020.

Álcool I - Com o grande número de eletros e eletrônicos sendo danificados pelo mau uso do álcool, os profissionais começaram a indicar o álcool isopropílico para a desinfecção desses produtos. A diferença desse álcool para os demais é o fato do seu percentual de água ser menor de 1%, evitando que tanto os eletros quanto os eletrônicos sejam danificados, pelo contrário, ele protege contra a oxidação das peças.

Álcool II - "A dica é borrifar o álcool isopropílico em uma flanela (limpa e seca) no celular, tablet, computador, notebook, telefone ou até mesmo na televisão (lembre-se de tirar o aparelho da tomada) e higienize toda a superfície”, informa Lucas Paz, comprador de material de limpeza do Home Center Ferreira Costa. Um detalhe: cartões de créditos e chaves codificadas de automóvel também podem ser higienizados com álcool isopropílico.

Câncer de Intestino - Nesse setembro verde, mês da conscientização e alerta contra o câncer de intestino (também chamado de colorretal), sabia que conhecer mais sobre seus dados biológicos está entre as formas mais avançadas de cuidar da saúde? Entre os motivos que potencializam as chances de desencadear a enfermidade está o histórico familiar, ou seja, a predisposição genética. E por meio do avanço da tecnologia genética no Brasil tornou- se possível encontrar no mercado soluções como o kit meuDNA Saúde,  à venda online pelo site meudna.com, teste de mapeamento genético que revela a predisposição de 9 doenças hereditária, inclusive a propensão ao câncer de intestino.“Descobrir um câncer no início realmente faz toda a diferença para o tratamento e poder ter acesso aos seus dados biológicos e conhecer a sua realidade própria frente a enfermidade significa ganhar uma infinidade de possibilidades de ação para evitar seu surgimento”, enfatiza Cesário Martins, diretor do meuDNA, healthtech de mapeamento genético.

A Palavra do Especialista

Você já ouviu falar em Pectus?

A cirurgiã torácica Hérika AbreuHérika Abreu, cirurgiã torácica

 “Em até 25% dos casos existe herança familiar, ou seja, o paciente pode ter antecedente na família.” – Médica Hérika Abreu*

Pectus é uma anomalia na caixa torácica conhecido também como "peito de sapateiro" ou "peito de pombo". Essa deformidade no tórax é ocasionada pelo crescimento anormal nas cartilagens das costelas. Pectus é mais comum ocorrer em homens e raramente em mulheres, atingindo cerca de 1% da população mundial.

O Pectus é apenas uma questão estética?

Definitivamente, não. Pode causar sintomas como cansaço, fadiga, taquicardia ou arritmia, vertigem, perda de resistência durante esforço, infecção respiratória.

O Pectus é diagnosticado visualmente pelo Cirurgião Torácico e, dependendo do caso, o especialista pode pedir raio-x, ecocardiograma e tomografia. Exame de Ressonância do Tórax ou Tomografia é capaz de medir o índice de Haller, que é a medição do grau de severidade da alteração da parede torácica. Seu valor esperado é em torno de 2,5, acima disso, quanto mais alto, mais severa a repercussão. A criança já nasce com essa patologia, tornado-a mais visível e evidente na adolescência, fase que a cirurgia é mais recomendada. Em até 25% dos casos existe herança familiar, ou seja, o paciente pode ter antecedente na família.

Pouca gente sabe, mas, a cirurgia de Pectus pode ser feita em hospital universitário e por plano de saúde.

*Hérika Abreu CRM/PE: 18.493 RQE: 3994 é cirurgiã torácica
 @mtorax