51,5% do público gamer no Brasil é composto por mulheres

Mulheres são maioria no mundo gamer brasileiro - Matilda Wormwood/Pexels

A 8ª edição da Pesquisa Games Brasil, divulgada na última quarta-feira (8), divulgou panoramas sobre o cenário gamer no Brasil. E seguindo a tendência dos últimos anos, a presença feminina foi mais forte. Segundo a PGB 2021, 51,5% do público de jogos eletrônicos do país é feminino. 

O estudo aponta também que este dado só foi possível em virtude da presença no mercado de smartphones, onde existe uma dominância das mulheres (62,2%).

Já nos videogames e em computadores a situação se inverte: o público masculino é mais presente, com 61,9% dos jogadores para os consoles e 59,6% do público do PC. 

Outro aspecto que se pôde verificar na pesquisa foi o de ascensão das pessoas de classes sociais baixas e médias (C1, C2, D e E) no público gamer. Elas agora representam quase metade dos consumidores de jogos no país (49,7%, na soma).

Além disso, a PGB mapeou a etnia dos jogadores brasileiros: quase metade do público se identificou como branca (46%), enquanto outra grande parcela se identificou como parda ou preta (50,3%, na soma). 

Já em relação à idade dos gamers brasileiros, a maioria do público é adulta, com 22,5% possuindo entre 20 a 24 anos e 18,6% entre 24 e 29 anos. O público de 16 a 19 anos representa 10,3% dos respondentes, enquanto pessoas de 40 anos ou mais de idade constituem 18,9% dos gamers no País. 

Confira alguns dados da pesquisa: 

Dados da Pesquisa Game Brasil 2021

Veja também

Dia Mundial da Voz: Fonoaudióloga alerta sobre cuidados fundamentais
Educa Mais

Dia Mundial da Voz: Fonoaudióloga alerta sobre cuidados fundamentais

Morre a atriz britânica Helen McCrory, a Narcissa Malfoy de 'Harry Potter', aos 52 anos
Luto

Morre a atriz britânica Helen McCrory, a Narcissa Malfoy de 'Harry Potter', aos 52 anos