CBLoL 2020: INTZ e paiN fazem última final antes das franquias

Final do CBLoL 2020 será entre INTZ e paiN - Riot Games/Divulgação

Pandemia, enchentes... As dificuldades foram muitas para o Campeonato Brasileiro de League of Legends em 2020. Porém, passada a "tempestade", é hora de decidir o melhor time do Brasil no segundo semestre. INTZ e paiN realizam a final do CBLoL às 17h deste sábado (5), na última partida antes da implementação do sistema de franquias.

Sendo realizada presencialmente, a decisão traz o grande clássico paiNTZ, duas das organizações mais tradicionais do Brasil na modalidade. O grande vencedor garantirá não somente o título, mas também o direito de representar o Brasil no Mundial deste ano.

A paiN teve uma temporada de redenção. Líder da Fase de Pontos com 14 vitórias e 7 derrotas, a equipe de Felipe "brTT" Gonçalves e Thiago "Tinowns" Sartori teve um desafio e tanto contra a PRG nas semifinais.

A missão, desta vez, é exercer o favoritismo e voltar ao caminho dos títulos com o tricampeonato, já que desde 2015 a equipe não conquista o CBLoL.

Do outro lado a INTZ busca o penta. Com quatro conquistas do CBLoL a organização também não teve vida fácil nas semifinais deste ano.

Vencendo por 3x2 a KaBuM!, o time teve a segunda melhor campanha da Fase de Pontos. E no elenco, a presença do pernambucano Bruno “Envy” Farias pode ser fundamental para um bom desempenho da INTZ.

Além disso, tem uma missão ainda mais difícil nessa final: vencer pela primeira vez a paiN nesse split. No histórico desta etapa foram três vitórias para os Tradicionais no confronto direto contra os Intrépidos. 

Uma final diferente

Mesmos sendo realizada presencialmente, a final terá um “ar” diferente neste sábado (5). Sem presença de público em virtude da pandemia da Covid-19 e em um novo horário, a decisão promete grandes surpresas. 

Todos os envolvidos na produção e transmissão do CBLoL serão testados na entrada do local com exames sorológicos (IgM/IgG), suas temperaturas serão medidas e sintomas observados por especialistas. Os jogadores profissionais serão testados, adicionalmente, com exames RT-PCR (ou swab, coleta de secreção naso-orofaringe através de cotonetes).