Facebook e Instagram terão selo em conteúdos sobre tratamentos sem comprovação científica

Facebook terá selo avisando sobre tratamento precoce falso contra a Covid-19 - Facebook/Divulgação

O Facebook anunciou, nesta terça-feira (13), que adicionará um novo rótulo a postagens no Facebook e Instagram que discutem alguns tratamentos para COVID-19, especialmente quando debatidos como alternativas à vacinação. 

Nos avisos, a informação aponta que “Alguns tratamentos COVID-19 não aprovados podem causar danos graves” e têm como fonte a Organização Mundial de Saúde. 

Serão lançados rótulos em inglês, espanhol, português, francês, indonésio e árabe em todo o mundo nas próximas semanas com um link para a Central de Informações sobre o COVID-19. 

De acordo com a empresa, o Facebook também conta com agências verificadoras de fatos parceiras que analisam conteúdos que, quando marcados como falsos, são rotulados tanto na rede social quanto no Instagram e tem seu alcance reduzido. 

Além disso, a plataforma remove alegações comprovadamente falsas sobre a doença, como por exemplo, que ela foi criada por humanos e que pegar o COVID-19 é mais seguro do que tomar a vacina. 

Veja também

Pernambucana Pâmela Camelo lança single “Em Mim”
Música

Pernambucana Pâmela Camelo lança single “Em Mim”

De Anitta a Marco Pigossi, veja famosos vacinados fora do Brasil
Vacina

De Anitta a Marco Pigossi, veja famosos vacinados fora do Brasil