FaceTime ganha recursos para competir com Zoom e Google Meet

Aplicativo ganha modo retrato, isolamento de voz e link para usuários de Android e Windows - Apple/Divulgação

Apple não poupou esforços em melhorias para o FaceTime. O aplicativo de videochamadas do iPhone, vai ganhar atualizações fortes o suficiente para rivalizar com os favoritos Zoom e Google Meet. Durante a transmissão da WWDC 21, realizada de forma 100% remota, nesta segunda-feira (7), a Maçã apresentou uma experiência mais completa do app, que passa a permitir chamadas mesmo para usuários de Windows e Android.

Áudio Espacial e isolamento de voz
A primeira mudança é a inserção do áudio espacial e do isolamento de voz nas chamadas de vídeo. O primeiro inclui o rastreamento dinâmico de cabeça, permitindo que o usuário ouça os sons nos locais certos do telefone mesmo ao virar a cabeça ou mover o iPhone. O segundo, permite que o telefone isole os barulhos de fundo, focando apenas na voz, para evitar interrupções. 

Modo retrato no FaceTimeModo retrato ajuda a focar apenas nos rostos durante as chamadas de vídeo. Foto: Apple/Divulgação

Modo retrato para chamadas de vídeo
Outra novidade é a adição do recurso Modo Retrato, que desfoca o fundo da imagem para destacar o usuário em primeiro plano. Com isso, será possível esconder a bagunça da sala enquanto rola uma reunião online focando mais no rosto dos participantes. Para as chamadas em grupo do FaceTime, uma nova visualização em grade permite que os participantes vejam mais rostos ao mesmo tempo.

Leia também

Vacina da Pfizer recusada por Bolsonaro custava 50% do pago por EUA e Europa
Prefeitura do Recife anuncia mudanças na previdência municipal
Governadores do Nordeste se reúnem com o Fundo Russo para compra da Sputnik V

FaceTime link 

A Maçã também resolveu colocar o aplicativo para tentar bater de frente com os já populares Zoom e Google Meet. Na atualização, será possível criar um link do iPhone, iPad ou Mac e compartilhá-lo por mensagens, calendário, e-mail, além de aplicativos de terceiros, para qualquer pessoa. Usuários de Android e Windows podem participar de uma chamada FaceTime via os navegadores principais das gigantes, Chrome e Edge. A Apple garante que as chamadas do FaceTime na web são criptografadas de ponta a ponta, para que a privacidade dos usuários não seja comprometida.

Compartilhe tudo
Por fim, a Apple quer transformar a experiência das videochamadas em eventos mais intimistas, dando uma sensação de que você pode, realmente, fazer um programa com seus amigos. Usando o SharePlay, os usuários do serviço podem compartilhar a tela do seu smartphone e assistir a filmes, ouvir álbuns de seus artistas favoritos e até ver outros aplicativos juntos, durante a chamada. 

O SharePlay funciona no iPhone, iPad e Mac e, com os controles de reprodução compartilhados. Ou seja,  qualquer pessoa que estiver na chamada pode reproduzir, pausar ou avançar o conteúdo. Ele se estende até a Apple TV, permitindo espelhar programas ou filmes na televisão, incluindo conteúdos dos canais Disney +, ESPN +, HBO Max, Hulu, MasterClass, Paramount +, Pluto TV, TikTok, Twitch e muitos outros.

Ainda não há data para a chegada da atualização, mas ela deve ser disponibilizada no final do ano, junto com as outras novidades do iOS 15.

Veja também

Bitcoin ressurge depois de cair abaixo de US$ 30.000

Bitcoin ressurge depois de cair abaixo de US$ 30.000

Apagão de vacinas gera 1º choque entre gestão Doria e prefeitura de SP sob comando de Nunes
Coronavírus

Apagão de vacinas gera 1º choque entre gestão Doria e prefeitura de SP sob comando de Nunes