Mouse de computador é oito vezes mais sujo que vaso sanitário, aponta estudo

O computador é o console com a maior presença de bactérias - Pexels

Com a pandemia e o aumento do isolamento social, os jogos passaram a ser uma opção de divertimento. Vários consoles são usados para os mais variados tipos de jogos. No entanto há um aspecto que muitos gamers acabam não observando: a sujeira. 

Estudo divulgado pelo laboratório inglês MCS revela que o computador é o console com a maior presença de bactérias. Em alguns casos, cerca de oito vezes mais sujo que um vaso sanitário. A análise do laboratório levou em consideração amostras de PC, Nintendo Switch, Xbox e Playstation. 

Durante o dia, as pessoas acabam pegando em celulares, maçanetas, entre tantos outros objetos. Como em grande parte das vezes a mão não é higienizada, todos esses microorganismos são levados aos consoles. As coletas dos consoles foram testadas e foi constatada a presença de bactérias, mofo e bolor. 
 

Os tipos de bactérias nos dispositivos Foto: Betway/Divulgação

Em geral, os níveis de limpeza dos usuários de console são classificados na seguinte ordem: Nintendo Switch (mais limpo), PlayStation, Xbox e, em seguida, PC.

Essa classificação pode sugerir que os usuários do Nintendo Switch tenham uma higiene das mãos significativamente melhor do que a dos usuários dos outros consoles ou que limpem seus consoles com mais frequência. Entretanto a textura dos diferentes consoles também pode ter contribuído para a fácil adesão das bactérias nas superfícies. As informações foram divulgadas pelo blog Betway
 

Curiosidades BetwayFoto: Betway/Divulgação

Nintendo Switch
Entre os videogames, o Nintendo Switch apresentou a menor concentração de sujeira entre os demais. Nas alças do controle do Nintendo Switch, foram detectadas 55 bactérias formadoras de colônias por amostra. A parte mais suja localizada fora os botões, com 62,5 bactérias. 

Xbox
O Xbox teve um desempenho um pouco abaixo do Switch. Nas alças, foram encontradas 82,5 bactérias enquanto nos botões foram identificadas 62,5 colônias de bactérias. 

Playstation
Já o Playstation deixou a desejar para os fãs da fabricante. O console é mais sujo entre os videogames. Foram 72,5 bactérias nas alças do controle. Mas a pior sujeira encontrada foi nos botões, com 190 colônias de bactérias. A quantidade é seis vezes maior do que a encontrada em um vaso sanitário. 

PC
Mas o campeão em sujeira foi o PC. Em todas as amostras do laboratório, a quantidade dos microrganismos detectados foi a maior entre os demais. No teclado, foram, em média, 165 bactérias, enquanto no mouse, 247,5. O número é oito vezes a quantidade presente em um assento do vaso sanitário. Segundo o laboratório inglês, isso pode ser devido ao fato de eles estarem em uso mais frequente do que o botão Liga/Desliga, que teve 115 bactérias formadoras de colônias por amostras. 
 

Comparação objetos Betway Foto: Betway/Divulgação 

Veja também

Defesa civil dos municípios da RMR registram ocorrências por conta das chuvas
Chuvas

Defesa civil dos municípios da RMR registram ocorrências por conta das chuvas

Testes de anticorpos após vacina contra Covid-19 são incapazes de garantir a eficácia do imunizante
Coronavírus

Testes de anticorpos após vacina contra Covid-19 são incapazes de garantir a eficácia do imunizante