Mundial de LoL 2020: Suning e DAMWON fazem decisão neste sábado (31)

Taça do Invocador dada ao campeão mundial de League of Legends - Riot Games/Divulgação

De um lado China. Do outro Coreia do Sul. Suning e DAMWON Gaming fazem, neste sábado (30), a grande decisão do Mundial de League of Legends 2020. A final terá início às 7h, sendo realizada em série melhor de cinco (MD5) em Xangai, na China. 

Surpresa até a aqui, a Suning busca o primeiro título de um chinês em seus domínios. Dona da terceira vaga do país no Mundial, a equipe desbancou os favoritos compatriotas pelo seu caminho e terá a chance de coroar o reinado da China comum terceiro título consecutivo em Mundiais. 

A Suning esteve no grupo A, juntamente com a G2 Esports, Team Liquid e Machi Esports. Com quatro vitórias e duas derrotas, o time garantiu a primeira posição e a classificação para as quartas através de um tiebreaker contra os europeus da G2. 

Porém, na Fase Eliminatória, os desafios foram ainda maiores. Isso porque a equipe teve pela frente já nas quartas a JD Gaming, vice-campeã da LPL e que bateu a própria Suning por 2x0 na Fase Regular. 

SwordArt e huanfeng, jogadores da Suning, finalista do Mundial de LoL 2020

No entanto, em uma série dominada pelo atirador Tang "huanfeng" Huanfeng, a organização avançou para as semifinais, onde enfrentaria outro itme chinês. A um passo da final, a Suning tinha pela frente a grande favorita ao título: Top Esports, que havia sido campeã da LPL eliminando a SN nos playoffs.

Novamente brilharam as estrelas de huanfeng e do caçador Lê "SofM" Quand Duy, que dizimaram os favoritos garantindo assim a classificação à decisão, a primeira na história da equipe. 

Já a DAMWON busca recolocar a Coreia do Sul no topo. O último título do país foi em 2017, com a Samsung Galaxy, e desta vez o time chega com favoritismo à Taça do Invocador.

ShowMaker e Nuguri, jogadores da DAMWON Gaming, finalista do Mundial de LoL 2020 

Com apenas uma derrota na Fase de Grupos, a campeã sul-coreana pouco erra. A equipe atropelou no grupo B, ficando à frente de JD Gaming, PSG Talon e Rogue. Mas se os adversários não pareciam tão fortes assim, uma vitória acachapante sobre os compatriotas da DRX nas quartas mostrou o quão poderosa era a DWG.

Contando com a sinergia do meio Heo "ShowMaker" Su, do topo Jang "Nuguri" Ha-Gwon e do caçador Kim "Canyon" Geon-bu, a equipe é símbolo da nova geração no Mundial. Canyon, por exemplo, tem apenas 19 anos.

Esta forte formação, inclusive, perdeu apenas dois jogos no torneio. Além da derrota para a JD Gaming, o time acabou sendo derrotado por uma vez nas semifinais contra a G2 Esports. No entanto, a vaga na final foi logo garantida com um 3x1 e atropelo contra os europeus. 

Cerimônia de Abertura
Apesar de todo o torneio ter sido disputado sem a presença de público em virtude da pandemia do novo coronavírus, a final contará com uma quantidade limitada de torcedores no Pudong Football Stadium, em Xangai.

Como realizado nos últimos anos, um show deverá ser realizado antes da entrada das equipes. O grupo K/DA, com a nova música "MORE" deverá ser uma das atrações do evento.

O duelo terá transmissão dos canais oficiais da Riot Games no Brasil, no YouTube, Twitch e LoLeSports

Veja também

TSE faz testes preparatórios para segundo turno das eleições
eleições

TSE faz testes preparatórios para segundo turno das eleições

Bárbara Paz retrata em 'Babenco' o artista e o homem na intimidade
cinema

Bárbara Paz retrata em 'Babenco' o artista e o homem na intimidade