A-A+

Twitter lança 'Super Follows' para atrair usuários que querem pagar por conteúdos exclusivos

Nas próximas semanas, apenas usuários de iOS poderão habilitar o serviço - Twitter/Divulgação

Usuários de todo o mundo podem começar a pagar por conteúdos feitos por criadores no Twitter. A plataforma anunciou, nesta quarta-feira (1º), a chegada oficial do Super Follows, ou Super Seguidores, um serviço que permitirá a criadores de conteúdo cobrarem por postagens exclusivas para seus seguidores na rede social. 

De acordo com o Twitter, a função, que permite aos criadores de conteúdo receberem uma remuneração por suas publicações, está habilitada apenas para algumas contas nos Estados Unidos, que se inscreveram para testá-la antecipadamente.

Porém, a possibilidade de assinar o serviço, se tornando um seguidor com acesso exclusivo a conteúdos especiais, já começou a ser disponibilizada globalmente, de forma gradual.

Leia também

Torneio de League of Legends x1 para amadores abre inscrições no Brasil
Twitter começa a testar ‘Ticketed Spaces’ para alguns usuários de iPhone
Trabalho híbrido: 5 ferramentas do Google Workspace para ajudar no dia a dia
Overcooked: All You Can Eat!, Hitman 2 e Predator: Hunting Grounds estão de graça na PS Plus

Nas próximas semanas, apenas usuários de iOS poderão habilitar o serviço. No entanto, a empresa garante que está trabalhando para chegar até os proprietários de smartphones com Android instalado, além dos usuários da versão web do Twitter.

Entre os conteúdos que podem ser impulsionados pelos criadores estão os próprios tweets (apenas com texto), o Espaços, fotos e vídeos. Por enquanto, os Super Follows, podem definir uma assinatura mensal de US $ 2,99, US $ 4,99 ou US $ 9,99, por mês (respectivamente cerca de R$ 15,50, R$ 25,90 e R$ 51,85, em cotação atual)  para monetizar conteúdo extra para seus seguidores mais engajados. 

Os seguidores que optarem pela assinatura obterão acesso especial às conversas exclusivas das suas contas favoritas. Os criadores podem encontrar e interagir com seus super seguidores procurando pelo selo de identificação, visível publicamente e que será destacado embaixo do nome do usuário sempre que ele responder a um tweet do criador.

Veja também

EUA planejam retomar em novembro politica 'Fique no México'
Estados Unidos

EUA planejam retomar em novembro politica 'Fique no México'

Centauro e Nike abrem 70 vagas para fim de ano em Pernambuco
Oportunidade

Centauro e Nike abrem 70 vagas para fim de ano em Pernambuco