A vice-presidente do Instituto Maria da Penha, Regina Célia é nomeada diretora da Rede Muda Mundo

A professora cuidará do setor de diversidade, raça e igualdade de gênero, onde vai criar estratégias inovadoras de inclusão nos negócios

A cofundadora e vice-presidente do Instituto Maria da Penha (https://www.instagram.com/institutomariadapenha/) , Regina Célia (https://www.instagram.com/reginacelia.barbosa), acaba de entrar para o time da Rede Muda Mundo (https://www.instagram.com/redemudamundo/), que abarca a Casa Zero, o Porto Social, o Transforma Brasil, a Fábrica do Bem e o Novo Jeito.


Reforçando o time 
A professora chega para agregar num tema que está precisando de uma atenção especial de toda a sociedade. Um assunto que vem à tona muitas vezes apenas no discurso ou no marketing, mas que já passou da hora das empresas e poder público agirem também na prática: as questões de impacto racial, de gênero e diversidade no segundo e terceiro setor.

Inspiração

Agora como diretora de Diversidade, Raça, Igualdade de Gênero da RMM, Regina deverá criar estratégias inovadoras de diversidade e inclusão para amenizar a nossa desigualdade e os problemas sociais decorrentes da pobreza. “Regina é uma inspiração para a gente, mas é uma pessoa técnica também que vai colocar a mão na massa, vai colocar produtos de pé e a gente quer impactar, através da RMM, o Recife, Pernambuco, o Brasil e o mundo”, comentou o fundador da RMM, Fábio Silva (https://www.instagram.com/ofabiosilva_/).

ESG

A tendência mundial é a combinação em si de projetos do segundo e do terceiro setores, propondo um modelo que harmonize uma gestão inteligente e eficiente de empresas, com o objetivo principal de assegurar o retorno em benefício social. São os negócios inovadores de natureza social e inclusiva, que colocam por terra o modelo de empresa que tem fim exclusivo à geração de lucro.

Social

Assim, o Princípio da Maximização dos Lucros é substituído pelo Princípio do Benefício Social, em que um projeto deve ser autossustentável com potencial de crescimento para o empresário e para a sociedade, em razão dos benefícios e serviços oferecidos. Nesse negócio - aí sim - as empresas desenvolvem-se como verdadeiros agentes transformadores no mundo. A verdade é que precisamos de uma economia mais humana, uma economia feita por gente que pensa nas pessoas e em seu desenvolvimento social.

Origem do conceito

Esse discurso  parece novo, mas desde a década de 70, Muhammad Yunus, então professor da Universidade de Dhaka – Bangladesh foi tocado pela extrema condição de pobreza em que viviam muitas famílias da região. Ele concedeu um empréstimo de uma pequena quantia para um grupo de mulheres, com o objetivo de ajudá-las para confecção de artesanato.

Grameen Bank

Como resultado, todas elas conseguiram pagar suas parcelas dentro do prazo, retirando ainda uma pequena margem de lucro. Esse fluxo deu certo. Já na década de 80, em decorrência das ideias de Yunus, foi criado o ‘Grameen Bank’, essencialmente dirigido aos mais pobres. A filosofia do banco é "disciplina, união, coragem e trabalho duro". Segundo seus dirigentes, o verdadeiro lucro é o impacto social que o banco causa. É melhorar a vida das pessoas.

Destaque

Yunus depois foi vencedor do Prêmio Mundial de Alimentação (1994), vencedor do Nobel da Paz (2006) e ganhou o prêmio Laurel Olímpico nos Jogos de Tóquio (2021), dentre outros títulos.

Real transformação

São esses tipos de propostas visionárias que precisam começar de verdade - em maior número, como uma tendência real - a serem aplicadas por aqui, aproximando as pessoas, especialmente mulheres, no seio de um sistema orgânico, próspero, que elas possam compreender e administrar. “Vou estar com toda a RMM para que a gente possa realmente fazer uma transformação, um trabalho de acolhimento”, disse Regina.  

Mundo Unifor 2023
E por falar em Muhammad Yunus... Ele estará nesta sexta-feira (20), na Universidade de Fortaleza para palestrar no Mundo Unifor 2023, evento que ocorre a partir desta segunda até sexta-feira, no campus da universidade.

Em Fortaleza

Trata-se do maior evento de disseminação científica, cultural, artística e de humanidades da região Nordeste. Haverá palestras, oficinas, encontros científicos e diversas atividades, com toda a programação gratuita e aberta ao público. Para mais informações: https://unifor.br/web/mundo-unifor.

Cidade Não Sexista
Com o objetivo de fortalecer o debate sobre a construção de uma cidade não-sexista, a Prefeitura do Recife (https://www.instagram.com/prefeiturarecife/) promoverá, na segunda e terça-feira, no Teatro Luiz Mendonça, no Parque Dona Lindu, o Fórum Internacional "Recife: Cidade Não Sexista - Diálogos Globais para a Construção de uma Cidade Mais Igualitária."

Gratuito

Concebido pela vice-prefeita Isabella de Roldão, o evento, que é gratuito, é bastante simbólico, pois marcará o compromisso da Prefeitura com o desenvolvimento de uma cidade não-sexista até 2037, quando o Recife será a primeira capital do Brasil a completar 500 anos. 

Plano Recife 500 Anos
Na ocasião, o prefeito João Campos e a vice-prefeita Isabella de Roldão irão assinar uma carta-compromisso com algumas diretrizes que irão guiar os cidadãos nessa construção, por meio do Plano Recife 500 Anos. Infelizmente, as inscrições para participar já encerraram.

Gênero

"Esse é um tema mundial, mas as ações são locais. Por isso, a participação social é tão necessária. Temos que repensar a cidade que vivemos através da ótica das pautas de gênero. A construção dessas mentalidades voltadas para uma sociedade mais igual e sustentável é o que vai transformar o nosso município. Temos que fazer essa construção através das vivências de cada pessoa, mas sempre pensando no coletivo", afirma Isabella.

Céu

Em parceria com o Projeto Desvendando o Céu Austral, do Departamento de Física, da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), o Rooftop do Shopping Tacaruna (https://www.instagram.com/shoppingtacaruna/) recebe gratuitamente, a partir das 15h, o público que quiser acompanhar o eclipse solar, que acontece neste sábado (14 ). Serão distribuídos 500 óculos especiais com filtro solar para observação do eclipse.

Telescópios

Além disso, as pessoas poderão visualizar o fenômeno astronômico através de quatro telescópios com filtro solar que estarão no local e tirar dúvidas com uma equipe de cinco monitores de astronomia da UFRPE. O acesso está sujeito à capacidade do espaço. Ao todo, o evento terá 2 horas e 7 minutos de duração, tendo seu ápice às 16h51, e terminando às 17h50. 

Tecnologia

Neste sábado (14), o Centro Universitário Tiradentes (Unit-PE) realiza uma conferência aberta ao público sobre o desenvolvimento de software. Voltado a profissionais da área de desenvolvimento de software, acadêmicos, alunos da área de tecnologia e empresas interessadas, o evento tem como intenção criar espaço para a troca de experiências, conhecimentos sobre IA, Dev Seguro, Dev Mobile, DevOps e Data Science.

Palestra

O Devconf ocorrerá das 9h às 16h e envolverá palestras e minicursos. Interessados podem se inscrever pelo link: https://wwws.facipe.edu.br/Portal/OutrosServicos.jsp.

Veja também

EDITAIS E BALANÇOS

EDITAIS E BALANÇOS

Entenda como será a dinâmica desta semana no "BBB 24"
BBB 24

Entenda como será a dinâmica desta semana no "BBB 24"