Nissan garante novidades ainda para este ano

Novo sedã Versa da Nissan - Divulgação/Nissan

Com o aparecimento da pandemia da Covid-19, empresas precisaram alterar seu planejamento. Isso não foi diferente com a Nissan. Mesmo assim, a montadora projeta lançamento do sedã Versa até o final deste ano, além da criação de serviços para atrair os clientes nas concessionárias. A sua produção de carros no Brasil, em Resende, no Rio de Janeiro, está seguindo diversos protocolos de segurança e higiene.

De acordo com o presidente da Nissan do Brasil, Marco Silva, a demanda deve ser grande para o sedã Versa, que pretende chegar totalmente novo. “O Versa já está em produção na nossa fábrica no México e vem no último trimestre deste ano para o Brasil. Chega completamente reestilizado e com grande potencial para o Nordeste. Vai ter demanda para ele na Região”, disse Marco. A fábrica da marca no México fica na cidade de Aguascalientes.

No ano fiscal de 2019, Pernambuco teve melhor ano de vendas dos últimos cinco anos de carros da montadora. Foi o segundo melhor estado na região em volume de vendas de Kicks. Por isso a marca quer estar atenta ao Nordeste como um todo.

Novo sedã Versa da NissanNovo sedã Versa da Nissan (Foto: Divulgação/Nissan)

As fábricas da montadora estão seguindo uma lista de 24 protocolos de segurança para manter todo o cuidado com os colaboradores, como a distribuição de máscaras. Além disso, todos os carros expostos nas concessionárias são higienizados e seguem várias exigências. “A demanda será regularizada até setembro com a volta da nossa produção. Então não teremos falta de carros para vender”, disse Marco. No entanto, o presidente da Nissan do Brasil afirmou que pelo menos entre oito e 12 meses não deve voltar à normalidade de vendas comparado ao período pré-pandemia.

Para atrair os consumidores, a Nissan ofereceu serviços nas suas concessionárias, como flexibilização dos prazos de revisão e prorrogação de financiamento via o banco da própria empresa. “Ninguém tinha radar sobre a pandemia, então criamos ações para fortalecer o vínculo com o consumidor”, registrou Silva.