Doenças no ombro: saiba quais são as principais e como tratá-las

Airlan Alves, ortopedista do Hospital Jayme da Fonte e da SOLB, fala sobre as principais patologias

Airlan Alves, ortopedista do Hospital Jayme da Fonte e da SOLB - Alexandre Aroeira/Folha de Pernambuco

O ombro é uma articulação complexa que possui a maior amplitude de movimento e rotação. Esta área do corpo também está sujeita a doenças que podem envolver tanto a articulação como os três principais ossos que a compõem: escápula, clavícula e úmero. E para compô-lo por completo, há os tendões e músculos.

Como é muito utilizado por quem pratica esportes e atividades físicas, o ombro pode sofrer com problemas, como deslocamentos e fraturas. Dentre as principais doenças, estão bursite, tendinite, capsulites adesivas (ombro congelado) e as luxações.

“Geralmente, os mais atingidos são pacientes mais jovens, seja por trabalhos repetitivos, com movimentos repetitivos, seja pacientes que executam atividades físicas sem a supervisão adequada, e também os idosos, que têm artrose e a artrite, um desgaste natural na articulação”, explica Airlan Alves, ortopedista do Hospital Jayme da Fonte e da SOLB.



Dependendo do caso, os pacientes com problemas no ombro necessitam realizar cirurgias para a colocação de próteses, visando sua recuperação completa. Eles também podem precisar de procedimentos cirúrgicos que envolvem a raspagem de parte do osso, entre outros.

Os principais sintomas são: dor no ombro, dificuldade de elevar o braço (mobilidade reduzida) e perda da força muscular. “Alguns pacientes também chegam ao nosso consultório com uma pele mais avermelhada no local do ombro e isso pode ser um dos sintomas. Então, se você tem uma dor que já dura de três a cinco dias e não observa uma melhora, coloca gelo e também não melhora, vale a pena você procurar um especialista no ombro para desvendar o mistério”, pontua o médico.

Tratamentos

Independentemente de qual doença no ombro o paciente tiver, o diagnóstico correto é fundamental para estabelecer o plano de tratamento da patologia. Por isso, é importante estar atento ao primeiro sinal de que algo não está bem com o ombro, que é quando há a perda de função local, ou seja, a incapacidade de realizar movimentos e atividades diárias.

Os principais tratamentos são os medicamentos, que podem ser os antiinflamatórios ou os relaxantes musculares, por exemplo. Você pode realizar também a crioterapia que é a utilização do gelo para diminuir a dor, a termoterapia, que é para desinflamar o ombro com uma compressa morna. Pode realizar também as fisioterapias, principalmente as fisioterapias analgésicas. E em alguns casos, quando você tem lesão, ruptura dos tendões, você pode realizar uma artroscopia, que é uma cirurgia por vídeo”, alerta.

Nem sempre é possível prevenir doenças, mas é importante que o paciente procure hábitos de vida saudáveis sob supervisão de um profissional, mantenha suas comorbidades controladas e busque o diagnóstico médico assim que surgir uma dor no ombro para evitar grandes problemas.

Veja também

Quem deve ser a próxima Líder do BBB 24? ''Seria muito melhor a Bia'', diz brother
BBB 24

Quem deve ser a próxima Líder do BBB 24? ''Seria muito melhor a Bia'', diz brother

GH: para que serve o hormônio do crescimento usado por Messi e comprado por Cariani?
Saúde

GH: para que serve o hormônio do crescimento usado por Messi e comprado por Cariani?