Época de festas juninas chama atenção para problemas respiratórios

Pneumologista dá dicas de como respirar bem durante as festas juninas

Dr. Isaac Segundo, pneumologista do Hospital Jayme da Fonte - Walli Fontenele/Folha de Pernambuco

Chegou o mês de junho e, com ele, as esperadas comemorações de São João. Símbolo de alegria para os nordestinos, os festejos juninos podem afetar as pessoas com problemas respiratórios - já que soltar fogos e acender fogueira são verdadeiras tradições da época. 

Junte a isso a variação de temperatura, com a predominância das chuvas, e o resultado pode ser o agravamento das doenças do trato respiratório como, por exemplo, a pneumonia.

Exemplos

De acordo com o pneumologista do Hospital Jayme da Fonte, Isaac Segundo, doenças como rinite e asma se acentuam ainda mais por causa da fumaça. Alguns sintomas são chiado no peito, cansaço e falta de ar. Ele explica que há tratamento específico para cada patologia.

“No caso da rinite, é sempre interessante lavar bem o nariz e, se tiver algum tratamento que o paciente já usava fazia, pode usar corticoides nasais ou também anti-histamínicos. Já os pacientes que têm asma podem fazer uso das bombinhas, chamadas de ‘resgate’”, orienta.

O especialista destaca a importância dos rituais juninos, mas aconselha que as fogueiras, por exemplo, sejam acesas em locais abertos, promovendo maior circulação da fumaça e evitando a condensação dela em cima do paciente que for alérgico. Também é preciso ter cuidado quanto aos fogos de artifício.

“Além da fumaça, [os fogos de artifício] podem ter algum produto químico que cause, também, irritação das vias aéreas. Então, o ideal, realmente, é que o paciente identifique isso, para tentar ficar longe desse tipo de diversão. No São João têm outras diversões, além dos fogos”, acrescentou.

Chuvas
As chuvas da época (principalmente até julho) também afetam a saúde de quem tem problemas respiratórios. Além da maior ocorrência de infiltração e mofo, há aglomeração de pessoas, aumentando a possibilidade de transmissão de doenças.

“A umidade está presente em muitas casas que não têm um sistema mais interessante de telhas. Isso pode, eventualmente, causar problemas respiratórios, principalmente, através de fungos e através de alguns outros microrganismos que podem se instalar no pulmão da pessoa”, continua ele.

Respire bem 
Isaac acredita que, mesmo diante dos problemas respiratórios, as pessoas podem brincar o São João com segurança. Para isso, é preciso tomar alguns cuidados que podem se mostrar eficazes no combate às doenças que comprometem a respiração.

“A primeira coisa a se fazer é beber bastante líquido, sempre estar se hidratando. Também é aconselhado tentar soltar fogos de artifício com a segurança recomendada pelo fabricante. O paciente que for alérgico deve ficar um pouquinho mais afastado da fogueira, mas não deixar de se divertir nesta época do ano, que é maravilhosa”, finaliza.

 

Veja também

CFM pede que Anvisa reveja proibição do uso de fenol para médicos
BRASIL

CFM pede que Anvisa reveja proibição do uso de fenol para médicos

Medalha ganha por Pelé na Copa do Mundo de 1962 vai a leilão, em Londres
LEILÃO

Medalha ganha por Pelé na Copa do Mundo de 1962 vai a leilão, em Londres

Newsletter