PUBLICAÇÃO

Advogado de Rose Miriam explica carta condenando bissexualidade de Gugu e fala sobre crise conjugal

Rose Miriam está no processo para reconhecimento da união estável com Gugu

Rose Miriam e Gugu Liberato Rose Miriam e Gugu Liberato  - Foto: Reprodução

Leia também

• Herança de Gugu: entenda por que sentença do STJ sobre divisão de fortuna está sendo contestada

• Gugu Liberato: entenda o que muda em audiência após Justiça validar testamento do apresentador

• Justiça valida testamento deixado por Gugu e filhos ficam com 75% da herança

A carta de Rose Miriam destinada a Gugu, em que afirmava que a homossexualidade seria "um problema sério", escrita em 2010 foi veiculada na imprensa nesta quinta-feira, dia 22. A equipe jurídica da médica condenou o vazamento e explica que o texto foi escrito "em desespero ao saber da traição e da bissexualidade do marido, que ela tanto amava, e porque queria também proteger os filhos".

Na nota da equipe do advogado Nelson Willians enviada ao Extra há detalhes da crise conjugal que o casal enfrentou e como essa atitude, de acordo com o advogado, pode ter influenciado na forma com que o apresentador escreveu o testamento que está sob questionamentos.

"Rose escreveu a referida carta com o coração, em desespero ao saber da traição e da bissexualidade do marido, que ela tanto amava, e porque queria também proteger os filhos. Ainda que imensamente abatida, ela encontra na fé e no seu amor por ele uma saída. A partir desse momento, porém, o casal entra em crise conjugal e Rose, a pedido de Gugu, vai morar no Rio para resguardar a família. Nesse contexto surge o malfadado contrato para criação dos filhos, que Rose Miriam assinou dopada, sob efeito de medicamentos fortíssimos; e o famigerado testamento de 2011", diz um trecho da nota.

Nesse período de afastamento, a equipe relata que a então esposa de Gugu sofreu uma grave depressão. Internada, estava sob efeito de remédios fortes, o que a fez assinar documentos sem estar em plena consciência mental.

"Nessa época Rose entrou em uma grave depressão, voltou para São Paulo e foi internada no Hospital Albert Einstein. E, novamente, o advogado Nelson Wilians chama atenção para a responsabilidade que Gugu tinha para com ela e seus filhos. Ele a visitava no hospital e se identificava na recepção como companheiro de Rose, conforme registros do próprio hospital. Como já dito, foi nesse período que ele fez o testamento e o contrato para que ela cuidasse dos filhos. Ela assinou, conforme depoimento de médicos, sob efeito de medicamentos. Portanto, não estando no controle de suas funções mentais, tanto que o apresentador preferiu fazer depósitos para o sustento da família na conta do irmão dela, já que ela estava à base de remédios."

Segundo os representantes de Rose Miriam, ela convenceu Gugu a fazer terapia para que retomassem a relação de casal.

"Passado esse período, além de ela fazer terapia, ela convenceu Gugu a também fazer terapia e obteve dele a promessa de que mudaria seu comportamento, pois na época ele manifestou esse desejo. Passado esse período, além de ela fazer terapia, ela convenceu Gugu a também fazer terapia e obteve dele a promessa de que mudaria seu comportamento, pois na época ele manifestou esse desejo. Primeiro eles compraram uma casa pequena. Com a adaptação à cidade, a família se mudou para uma casa maior. Foi nessa casa que Gugu se acidentou e foi socorrido por Rose".

Rose Miriam está na luta para ter a união estável com Gugu reconhecida.

"A legislação para reconhecimento de união estável é clara. A traição ou a ausência de sexo, o que não é o caso de Rose e Gugu, não são, por si só, elementos para desqualificar a união estável, senão as pessoas começam a trair só para 'escapar' de eventuais responsabilidades civis. Rose e Gugu mantinham uma relação pública, notória, duradoura, contínua e com objetivo de constituir família e que também era intercalada por crises conjugais. São esses elementos que a Justiça avalia em um processo de reconhecimento de união estável. E, no caso de Rose, todos esses quesitos são amplamente possíveis de confirmação".

Veja também

Kevelin Gomes diz que não considera que Yuri Lima traiu Iza, mas pede desculpas
POLÊMICA

Kevelin Gomes diz que não considera que Yuri Lima traiu Iza, mas pede desculpas

Leandro Marçal, de 'Casamento às Cegas', nega acusação de estupro e critica edição de episódio
denúncia

Leandro Marçal, de 'Casamento às Cegas', nega acusação de estupro e critica edição de episódio

Newsletter