Alvo de queixa na Justiça, diretor de "Aquarius" nega irregularidades

Representação contra o diretor questiona o acúmulo indevido de funções

Prefeito de Jaboatão, Anderson Ferreira discursa em evento das oposiçõesPrefeito de Jaboatão, Anderson Ferreira discursa em evento das oposições - Foto: Rafael Furtado/Folha de Pernambuco

Alvo de uma representação anônima no Ministério Público Federal em Pernambuco, o cineasta Kleber Mendonça Filho diz que poderá demonstrar a "absoluta regularidade" de seu trabalho na Fundação Joaquim Nabuco.

Corre no MPF uma representação contra o diretor de "Aquarius" questionando um suposto acúmulo indevido de funções: enquanto coordenador de cinema da fundação, ele deveria ter preservado dedicação exclusiva ao cargo público e não poderia ter realizado filmes no período, segundo a queixa.

Kleber diz que seu cargo não era de dedicação exclusiva. "[Ele] não impedia que eu também tivesse atividades artísticas. Não existia nenhuma incompatibilidade entre ambos", afirmou à reportagem.

O MP ainda está analisando o pedido para ver se ele procede, e não há data para emitir uma manifestação, que pode ou não virar uma denúncia, segundo informou a assessoria de imprensa da instituição.

"Caso o órgão entenda que há algo a ser apurado, poderei demonstrar a absoluta regularidade do meu trabalho na Fundação Joaquim Nabuco ao longo dos últimos 18 anos", diz o diretor, que soube da representação por meio de uma nota publicada pela revista "Veja". Ele afirma que não teve acesso ao teor do texto -a queixa foi anônima, motivo pelo qual o acesso ao texto é negado.

O diretor ocupou o cargo público até outubro deste ano. Em maio, durante a estreia de "Aquarius" no Festival de Cannes, ele e a equipe do filme empunharam cartazes contra o impeachment de Dilma Rousseff.

"Entendi que a denuncia anônima foi feita dias após o protesto em Cannes, onde assumimos democraticamente um ponto de vista claro sobre o Brasil hoje", disse o diretor.

Veja também

Mauricio de Sousa celebra 60 anos de Cebolinha: 'Orgulhoso pelo filho que eu criei'
Quadrinhos

Mauricio de Sousa celebra 60 anos de Cebolinha: 'Orgulhoso pelo filho que eu criei'

Artes visuais: como curadores e galeristas escolhem novos talentos no Recife
Artes Visuais

Artes visuais: como curadores e galeristas escolhem novos talentos no Recife