Ana Maria usa peruca black power e incomoda internautas

Apresentadora abriu o programa, que abordou o empoderamento das pessoas negras, utilizando uma peruca black power, mas depois pediu desculpas

Ana Maria Braga utiliza peruca black power e é acusada de apropriação culturalAna Maria Braga utiliza peruca black power e é acusada de apropriação cultural - Foto: Reprodução / TV Globo

Ana Maria apresentou parte do Mais você desta quarta-feira (23) com uma peruca black power e incomodou alguns internautas no Twitter, que disseram que isso era apropriação cultural e comentaram que ela poderia abordar o tema sem usar o acessório. "Ana Maria falando sobre os cabelos blacks, ok. Agora me explica a necessidade dessa sua peruca? Me ajude a te ajudar", escreveu uma internauta.

"Gosto mesmo, acho bonito. Não entendo como algumas moças, rapazes tem a possibilidade de ter um cabelo deles e de repente mudam, alisam porque é um negócio tão maravilhoso. Primeiro porque representa muito, não é apenas uma moda. Representa a diversidade, a força, a identidade, a luta contra a desigualdade, o fim de um padrão sem sentido", disse a apresentadora. "Me desculpem os negros, estou com um cabelo que não é meu, obviamente, mas acho lindo, lindo", completou Ana Maria em outro momento.

Muitas pessoas criticaram o programa na internet, mas teve gente que reclamou do excesso de críticas. "Como as pessoas estão intolerantes. Ana Maria desde o início do programa explica sobre empoderamento, cultura negra, black power e ainda se desculpou por usar a peruca, mas que admira demais a beleza dos cachos enaltecendo o movimento. Aí vem gente falar em black face", opinou um usuário do Twitter.

Leia também:
Heineken tira comercial do ar após rapper indicar racismo
Novelas trazem maior participação de negros, mas ainda é longe do Brasil real


A loira ainda procurou algum funcionário negro em seu programa para usar uma técnica ensinada em uma matéria, não encontrou nenhum e testou em um
cameraman branco. Somente no último bloco, ela tirou a peruca.

Ana Maria abriu o programa ao som de "Tombei", de Karol Conka e errou o nome da cantora. "Acorda, menina! Tombei! Karol Cona!", disse a apresentadora. "Karol Conka", corrigiu Louro José.

Veja também

Flaviola, ícone da psicodelia pernambucana, morre de Covid-19
Luto

Flaviola, ícone da psicodelia pernambucana, morre de Covid-19

Morre, aos 56, o baterista Flávio Guaraná, do bloco Quem tem Boca Vaia Roma
LUTO

Morre, aos 56, o baterista Flávio Guaraná, do bloco Quem tem Boca Vaia Roma