Luto

Morre a poeta Terêza Tenório, musa da Geração 65

Escritora pernambucana faleceu neste domingo, aos 70 anos, vítima de uma parada cardíaca

Terêza Tenório integrou a Geração 65Terêza Tenório integrou a Geração 65 - Foto: Reprodução/Internet

Morreu neste domingo (7), aos 70 anos, a poeta recifense Terêza Tenório, vítima de uma parada cardíaca. A escritora integrou a chamada Geração 65, grupo literário pernambucano da década de 1960, que tinha entre seus representantes nomes como Alberto da Cunha Melo, Marcus Accioly, Raimundo Carrero e Lucila Nogueira.

Ao longo de sua trajetória poética, Terêza recebeu diversos prêmios concedidos por instituições como Associação Paulista de Críticos de Arte, União Brasileira de Escritores e Fundação de Cultura Cidade do Recife. Com títulos publicados por diferentes editoras, ela teve parte de sua obra reunida na antologia “Poesia reunida: Terêza Tenório”, lançada pela Cepe em 2018. 

Considerada a musa da Geração 65, Tereza cursou direito e belas artes. Chegou a exercer a profissão de advogada, integrando movimentos contra a violência. Além da literatura, ela também expressou sua energia criativa em outras áreas, como a pintura e a escultura. Entre os livros de poesia que publicou estão “Poemaceso”, “Mandala” e “Fábula do abismo”.

Veja também

Ed Sheeran investe R$ 254 mil para deixar ecologicamente correto imóvel em que vive
Celebridade

Ed Sheeran investe R$ 254 mil para deixar ecologicamente correto imóvel em que vive

'Deram a visibilidade que a gente merece', diz Thammy Miranda sobre críticas a campanha
Dia dos Pais

'Deram a visibilidade que a gente merece', diz Thammy Miranda sobre críticas a campanha