ARTE

Ator francês Gérard Depardieu leiloa parte de sua coleção de arte

A venda, que acontecerá entre 26 e 27 de setembro, poderia representar para o ator entre 3 e 5 milhões de euros

Obras de ArteObras de Arte - Foto: AFP

O ator francês Gérard Depardieu vai leiloar, no final de setembro, um total de 250 obras de arte de sua coleção do século XX, que inclui bronzes do escultor Rodin, informou o coordenador da venda nesta quinta-feira (15).

O objetivo desta grande venda é "aliviar um pouco o fardo", disse David Nordmann, comissário da casa de leilões Ader, em entrevista coletiva.

Depardieu possui, além dos bronzes de Rodin (personagem que interpretou no cinema, ao lado de Isabelle Adjani), cinco obras do escultor Calder e um quadro de Hans Hartung, entre outras obras.

A venda, que acontecerá entre 26 e 27 de setembro, poderia representar para o ator entre 3 e 5 milhões de euros (entre 15,7 milhões 26,3 milhões de reais).

Depardieu tem 74 anos e já passou por várias cirurgias e acidentes de moto, lembrou o Nordmann.

"É um personagem que viveu muitas coisas, que precisa aliviar um pouco o fardo", comentou.

Depardieu, um dos rostos do cinema francês mais conhecido no exterior, não pendura os quadros em suas casas. "Ele os empilha contra as paredes, ele os movimenta de um lado para o outro", disse o especialista.

Treze mulheres denunciaram recentemente que o ator abusou delas em inúmeras gravações, entre 2004 e 2022.

Depardieu foi indiciado após uma denúncia de estupro e agressão sexual apresentada pela atriz Charlotte Arnould em 2021.

Devido aos problemas jurídicos, Depardieu foi afastado da promoção de seu novo filme, "Umami".

"Espero que as pessoas saibam separar a atualidade (judicial) e a qualidade dessa coleção", afirmou Nordmann.

Veja também

Ex-Pânico Carlinhos "Mendigo" é enviado para centro de detenção em Guarulhos
Carlinhos "Mendigo"

Ex-Pânico Carlinhos "Mendigo" é enviado para centro de detenção em Guarulhos

Edifícios icônicos de Artacho Jurado levam cor ao centro de São Paulo
ARQUITETURA

Edifícios icônicos de Artacho Jurado levam cor ao centro de São Paulo

Newsletter