Bob Dylan é 'arrogante', diz membro da Academia Sueca após Nobel

Escritor criticou silêncio do artista em relação ao Nobel

FunaseFunase - Foto: Rafael Furtado/Arquivo Folha

O escritor Per Wastberg, membro da Academia Sueca, chamou Bob Dylan de "mal-educado e arrogante", em referência ao silêncio do músico sobre o Nobel de Literatura. As informações são do jornal "The Guardian".

O americano foi anunciado como vencedor do prêmio no último dia 13, pela Academia Sueca. Quatro dias depois, a instituição afirmou ter desistido de entrar em contato com Dylan, após várias tentativas frustradas. "É um situação sem precedentes", disse Wastberg.

No mesmo dia 13, o músico tocou num luxuoso cassino de Las Vegas. Para encerrar os 90 minutos exatos de apresentação, Dylan mandou o cover de Frank Sinatra "Why Try To Change Me Now" (Por Que Tentar Me Mudar Agora, em tradução livre do inglês), uma boa resposta para quem esperava de Dylan um pronunciamento fora do roteiro.

Reinvenção

"Por 54 anos, Dylan tem se reinventado", disse a secretária da Academia Sueca Sara Danius ao anunciar o prêmio. "[O álbum 'Blonde on Blonde'] é um extraordinário exemplo da sua forma brilhante de rimas, criar refrões, e de seu jeito brilhante de pensar."

A secretária afirmou ainda ter consciência de que a escolha de um músico pode parecer surpreendente para o público, mas lembrou dos poetas gregos Homero e Safo.
"Eles escreveram textos poéticos para ser apresentados em público, e com Dylan é a mesma coisa. Ainda lemos Homero e Safo; e gostamos."

Veja também

Paula Fernandes testa positivo para Covid-19, mas está assintomática
Música

Paula Fernandes testa positivo para Covid-19, mas está assintomática

Após dica de carro de som, Mirella diz que vai se afastar de Biel em A Fazenda 12
Televisão

Após dica de carro de som, Mirella diz que vai se afastar de Biel em A Fazenda 12