Caio Neiva lança exposição 'Unidade' na Galeria Joana D'Arc

Artista plástico Caio Neiva traz desenhos e outras peças gráficas para o Hermanos Studio Criativo, no Pina

Caio Neiva expõe desenhos e objetos com grafismos na Galeria Joana D'ArcCaio Neiva expõe desenhos e objetos com grafismos na Galeria Joana D'Arc - Foto: Brenda Alcântara / Folha de Pernambuco

O artista visual e designer Caio Neiva abre nesta terça (15), a partir das 19h, a exposição "Unidade", uma seleção de obras que refletem sua trajetória até o momento atual. São 30 desenhos feitos com nanquim e marca-texto, além de garrafas decoradas com grafismos.

A mostra estará aberta ao público até o fim de maio, no Hermanos Studio Criativo, que fica localizado dentro da Galeria Joana D'Arc, no bairro do Pina. Embora reflitam mais de uma fase de sua produção, eles têm em comum a plasticidade e a gestualidade gráficas, além do uso de poucas cores, privilegiando a forma.

Leia também:
Exposição com obras de Neilton comemora 30 anos da banda Devotos
Coletivo Vacilante inaugura exposição na Arte Plural Galeria
Rinaldo e grupo Risco promovem sessão de desenho em tempo real na Arte Plural

Ao longo de sua carreira, Caio tem flertado com diversas maneiras de expressar sua arte. Designer de formação, durante a adolescência ele participou de oficinas de escultura com Tiago Amorim e Max di Castro, e diz que a experiência influenciou na forma como concebe seus desenhos.

Após trabalhar como diretor de arte em agências de publicidade e se apaixonar pelo lettering (arte de desenhar letras, brincando com diferentes formas), em 2014 ele deu início a "Piragrafia", um projeto de caligrafia experimental que usava letras para se expressar de forma não-verbal, desconstruindo-as e ressignificando-as em novos usos para além do texto (o "pira" do termo remete à loucura, à liberdade de utilizar a grafologia de forma intuitiva e não-racional).

Paralelamente, Caio fazia desenhos mais técnicos e figurativos, que descreve como "obras surrealistas e racionalizadas que buscavam o simbolismo", e divulgava separadamente as duas produções.

Regresso às raízes 

Após passar dois anos na Argentina, onde participou de um curso de Direção de Arte voltado para fotografia, cinema, artes visuais e publicidade, Caio entrou em contato com a técnica do automatismo, e começou a fazer desenhos em linha contínua. "Foi então que rompeu-se a barreira entre meu traço figurativo e piragráfico", relembra.

De volta ao Brasil, ele aponta a riqueza da vivência realizada. "Aprendi a me reconhecer como latino, usufruí das influências cosmopolitas daquele ambiente, e voltei valorizando ainda mais a cultura local, o grande berço que temos aqui. Pude absorver uma bagagem técnica incrível e ao mesmo tempo me (re)conhecer olindense", descreve.

Influenciado pelo gravurista holandês Maurits Cornelis Escher, Caio é fascinado pela anatomia de forma geral e, especificamente, por motivos da flora, movimento e corpo feminino. "Meu trabalho é um mix das referências artísticas que acumulei ao longo da vida. Desistir da ideia de ter que me engessar um único estilo fixo. Estou mais aberto à experimentação e aceitei como parte de mim o fato de ser ao mesmo tempo artista e designer", diz ele, que assumiu como lema a frase que ouviu do pintor argentino Pedro Both: "A arte é a máxima expressão da liberdade". 

"Resolvi deixar minha produção artística livre e experimental, buscando construir uma produção relevante ao longo da vida, e para isso abracei a tatuagem como ofício paralelo", relata. Suas obras são minimalistas e algumas delas levam meses para serem produzidas, como é o caso de alguns desenhos que utilizam a técnica do pontilhismo.

A exposição fica em cartaz pelas próximas duas semanas e será alterada à medida que as peças forem vendidas. Os interessados em adquirir as obras de Caio Neiva podem fazê-lo presencialmente ou através da plataforma virtual Spot Art

Serviço:
Exposição "Unidade"
Onde: Hermanos Studio Criativo - Galeria Joana D'Arc, Av. Herculano Bandeira, 513, Pina, fone 30330004
Quando: das 9h às 19h, de 2a a 6a feira, até o fim de maio. 

Veja também

Christiane Pelajo se irrita e ameaça deixar jornal em vídeo vazado
Celebridades

Christiane Pelajo se irrita e ameaça deixar jornal em vídeo vazado

Xuxa, Chico Buarque e Giovanna Ewbank assinam carta em defesa dos povos indígenas
Celebridades

Xuxa, Chico Buarque e Giovanna Ewbank assinam carta em defesa dos povos indígenas