HQs

Cebolinha chega aos 60 anos com homenagens na 'Turma da Mônica'

Ele começou como coadjuvante nas tirinhas de "Bidu e Franjinha”, mas conquistou os fãs da saga, passando a ocupar espaço nas histórias seguintes

Cebolinha chega aos 60 anos com homenagensCebolinha chega aos 60 anos com homenagens - Foto: Maurício de Sousa Produções/Divulgação

O maior clássico das Histórias em Quadrinhos (HQs) brasileiro não seria o mesmo sem as narrativas secundárias. A “Turma da Mônica” celebra neste sábado (24) os 60 anos de Cebolinha, um dos personagens icônicos da série. Ele começou como coadjuvante nas tirinhas de "Bidu e Franjinha”, mas conquistou os fãs da saga, passando a ocupar espaço nas histórias seguintes. 

Como homenagem a Cebolinha, a Mônica Toy lançou ontem uma série de 10 episódios protagonizados por ele no canal da “Turma da Mônica” no Youtube. A série compila episódios de uma versão voltada às crianças da primeira infância, mas pode ser acompanhada por todos os seguidores da HQ.

A primeira aparição que se tem registro do personagem foi em outubro de 1960, como filho de Seu Cebola e Dona Cebola. Desde então, ele tem sido frequente no imaginário de quem acompanha a saga há décadas. O menino de 7 anos, com jeito de falar errado e poucos fios de cabelo, é um dos poucos personagens a usar sapato na série e disputa o “Sansão” com a Mônica.

Para integrar os fãs às bodas de diamante, a “Turma da Mônica” criou o filtro “Tlava-língua”, disponível no Instagram. Os fãs poderão compartilhar suas homenagens com as hashtags #Cebolinha60 e #PalabénsCebolinha.

Veja também

Espetáculo 'Se eu não vejo' estreia temporada com sessões via WhatsApp
Teatro online

Espetáculo 'Se eu não vejo' estreia temporada com sessões via WhatsApp

JUNTAS solicitam virtualização de inscrições dos editais de Cultura em Pernambuco
Projeto de Lei

JUNTAS solicitam virtualização de inscrições dos editais de Cultura em Pernambuco