Circuito Aurora Instrumental abre temporada no Recife

Aurora Instrumental terá duas temporadas no Teatro Arraial, no primeiro semestre de 2018. A programação de dez concertos ocorrerá de 18 de abril a 20 de junho

O grupo Spok Quinteto faz parte da programação do Aurora InstrumentalO grupo Spok Quinteto faz parte da programação do Aurora Instrumental - Foto: Edson Acioli/Divulgação

De nome de rua no centro do Recife ao fenômeno que ilumina o céu de cores, "aurora" também vira termo para legitimar um espaço musical. É que, a partir de 18 de abril, nasce, no Teatro Arraial (R. da Aurora, 457), na Boa Vista, o "Aurora Instrumental", projeto que engloba 20 espetáculos musicais, divididos em duas temporadas. A primeira temporada será de 18 de abril a 20 de junho, sempre às quartas-feiras, a partir das 19h30, e com ingressos a preços populares de R$ 10 (meia-entrada) e R$ 20 (inteira).

O evento, que fez parte da seleção pública do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura (Funcultura), busca se colocar como palco de expressão da diversidade, tradição e renovação da música instrumental, propondo o encontro do público com músicos e grupos instrumentistas.

Leia também:
Consumo de música na internet muda a forma de distribuição e lançamento de novos discos
Livro se debruça sobre a atuação do Teatro de Cultura Popular em Pernambuco
Livro mostra os bastidores da criação musical


O concerto de abertura será feito pelo Spok Quinteto, grupo do maestro Spok, que executará frevos, caboclinhos e cirandas. A programação também conta com Zé da Flauta, que apresentará show autoral do seu último disco, repleto de rock’n’roll psicodélico, e jovens talentos da música instrumental como o Henrique Albino Trio e Amaro Freitas Trio e o pianista Amaro Freitas.

Primeira temporada

Na primeira temporada, o público pode esperar performances como a do músico 'das cordas' Hugo Linns e Vinícius Sarmento, um dos nomes do violão popular em Pernambuco. A banda Rivotrill, após pausa de três anos, também fará show voltado para a world music, bem como o grupo Quartetubas, que reúne quatro músicos tocando tubas.

A produção executiva do projeto é feita por Félix Aureliano, com curadoria de Gilú Amaral.

Confira abaixo a programação da primeira temporada completa.

18/04 – Spok Quinteto
25/04 – Amaro Freitas Trio
02/05 – Henrique Albino Trio
16/05 – Vinícius Sarmento
16/05 – Gilú Amaral
23/05 – Rivotrill
30/05 – Hugo Linns
06/06 – Quartetubas
13/06 – Zé da Flauta
20/06 – Anderson do Pife e Banda Zé do Estado

 

Veja também

Whitney Houston se torna a primeira artista negra a conseguir três discos de Diamante
música

Whitney Houston se torna a primeira artista negra a conseguir três discos de Diamante

Veja quem as celebridades apoiam nas eleições dos EUA
EUA

Veja quem as celebridades apoiam nas eleições dos EUA