Televisão

Cissa Guimarães deixa a Globo após mais de 40 anos

Cissa se junta a outras estrelas da Globo que não tiveram seus contratos fixos renovados devidos a mudanças da emissora que tem feito contratações por obra

Cissa Guimarães Cissa Guimarães  - Foto: Reprodução/Instagram

A atriz e apresentadora Cissa Guimarães, 64, deixa a Globo após mais de quarenta anos, segundo a emissora. Em nota, a empresa informou nesta sexta-feira (29) que foi "uma parceria alegre e de sucesso de mais de quatro décadas" e que as "portas estão abertas para futuros projetos nas múltiplas plataformas".

Cissa, que estava desde 2015 no "É de Casa", comandava o programa ao lado de Ana Furtado, Patrícia Poeta, André Marques, Manoel Santos e Talitha Morete. Mas ela se tornou mais conhecida do grande público como apresentadora do Vídeo Show (1986-2001), além das inúmeras novelas que atuou na emissora.


"Fui muito feliz nesse casamento de mais de 40 anos. E é isso que vou levar: as boas parcerias, os imensos aprendizados, os momentos felizes, emocionantes e compartilhados, que ficaram para a história - minha, do público e da TV Globo. A minha gratidão mora aí, nesse sentimento lindo e nessa vida que construímos juntos", disse Cissa Guimarães.

Cissa se junta a outras estrelas da Globo que não tiveram seus contratos fixos renovados devidos a mudanças da emissora que tem feito contratações por obra. Antes dela, Renato Aragão deixou a emissora em junho do ano passado após 44 anos como contratado.

O Grupo Globo vem trabalhando com um novo modelo de gestão de negócios desde o final de 2018, o que inclui a reformulação e o enxugamento do quadro de profissionais. O casting de artistas começou a ser atingido nos últimos meses e já levou à dispensa de Vera Fischer, 68, Miguel Falabella, 63, e José de Abreu, 74.

Veja também

Anitta dá beijão em 'crush' durante Domingão com Huck
TELEVISÃO

Anitta dá beijão em 'crush' durante Domingão com Huck

Françoise Forton guardou segredo sobre câncer por dez anos, mas quebrou silêncio para fazer alertaATRIZ

Françoise Forton guardou segredo sobre câncer por dez anos, mas quebrou silêncio para fazer alerta