Com 30 trios, desfile do Galo terá pegada ecológica; confira as atrações

Este ano o bloco irá exaltar a arte, a cultura popular, o frevo e a sustentabilidade

Anúncio foi feito pela organização do blocoAnúncio foi feito pela organização do bloco - Foto: Geraldo Moreira/Rádio Folha FM

Em seu 53º desfile, o Galo da Madrugada 2020 vai homenagear grandes nomes da cultura popular pernambucana, como J. Borges, Mestre Galo Preto, Carmem Folni-ô, Jaqueline Xukuru, Cléo Pankararu, Caju e Castanha e Mestre Dila de Caruaru. O desfile de seis quilômetros terá 30 trios elétricos, seis carros e nove alegorias e bonecos gigantes e começará às 9h do Sábado de Zé Pereira (22). 

O cenógrafo do maior bloco do mundo, Ari Nóbrega contou que todos os desenhos para os carros alegóricos foram feitos por J. Borges e seguem a temática da literatura de cordel e xilogravura, trazendo elementos da cultura nordestina.

Leia também:
Ônibus mudam de itinerário devido à interdição de ponte para o Galo gigante
Montagem do Galo Gigante começa nesta terça-feira


A organização do Galo mantém a tradição de promover a cultura pernambucana. Como novidade, o desfile irá unir artistas do Estado e nacionais no comando dos trios. Entre as duas, Pablo Vittar e Romero Ferro e Marcelo Falcão e Elba Ramalho. Serão percorridos seis bairros: São José, Santo Antônio, Coelhos, Cabanga, Boa Vista e Bairro do Recife. O anúncio foi feito na manhã desta terça-feira (18), na sede do bloco, no bairro de São José, área central do Recife.

O desfile também terá uma pegada ecológica. O presidente do bloco, Rômulo Meneses, anunciou que o último trio do desfile contará com mais de 200 catadores de 10 cooperativas que recolherão todos os resíduos sólidos gerados no bloco, como latinhas de alumínio, plástico e papelão.

O percurso ainda contará com seis ecopontos. Uma empresa contratada comprará todo material captado por um preço acima do que oferecido pelos ferros velhos. Na frente da sede será montado um painel que mostrará a quantidade de material recolhido. A empresa calculará todo CO2 emitido no Galo da Madrugada e tudo será convertido com o plantio de árvores.

Confira as atrações e a ordem dos trios elétricos do Galo da Madrugada 2020
Alegoria - Clarins e Palhaços
Abre Alas - Estandarte do Galo, Bandeiras de Pernambuco e Galo
Alegoria Especial - Galo Skol Puro Malte
Almir Rouche
Bonecos Gigantes Enéas, Galo (novo), J.Borges
Galo 78
Passistas (60) - Companhia Saltos
Gustavo Travassos - Fafá de Belém
Estandartes
Caminhão Especial - Mercedes Benz
Rei Momo
Frevioca 1 - Bonecos Gigantes Alceu Valença e Jota Michilles
Bonecos "Cabeções"
Alegoria 1 - Feira do Cordel (Pablo Borges), bandeiras de Pernambuco e do Galo
Banda da PMPE
Alegoria 2 - Passarada (Castanha e Caju)
Lima Neto / Dani Veroli / Ed Carlos
Alegoria 3 - Sertanejos (Cantor Galo Preto)
Bia Villa Chan / Armandinho
Bonecos gigantes Ariano Suassuna e Chico Science
Alegoria 4 - Monstro do Sertão (Índias das tribos Fulni-Ô, XUKURU e PANKARARU)
Marron Brasileiro / Nádia Maia
Maestro Forró
Geraldinho Lins
Asas da América
Gerlane Lops
Banda Pinguim / Cristina Amaral
Nena Queiroga / Margareth Menezes
Elba Ramalha / Marcelo Falcão
Mestro Spok
André Rio
Fulô de Mandacaru
Romero Ferro / Michele Melo / Pabllo Vittar
Quinteto Violado / Catarina Rosa
Som da Terra / Erico Brás
Benil / Irah Caldeira
Nono Germano
Banda Luará
Fabiana Pimentinha
Diego Cabral
Orquestra Universal
Orquestra Perfil
Turma do Pinguim
Banda Inove
Telmo Santiago

Veja também

Solidariedade estará em alta

Solidariedade estará em alta

Carol Duarte diz que novela não muda padrões incrustados, mas é benéfica pelo debate
Famosos

Carol Duarte diz que novela não muda padrões incrustados, mas é benéfica pelo debate