Conheça o Plano de Cultura de Caruaru, que foi aprovado pelo Conselho do município

Foram traçados 25 objetivos no documento, que seguirá para votação na Câmera de Vereadores da cidade no Agreste do Estado. Ações estruturadoras vêm sendo planejadas desde 2013

Leonardo Salazar, vice-presidente do Conselho Municipal de Política Cultural de CaruaruLeonardo Salazar, vice-presidente do Conselho Municipal de Política Cultural de Caruaru - Foto: Arthur Mota/Folha de Pernambuco

 Transformar a antiga Estação Ferroviária em um equipamento turístico e cultural; fazer concurso público e qualificar equipe da Fundação de Cultura; criar um cineteatro, que será a sede da Orquestra de Pífanos, estão entre os objetivos do Plano Municipal de Cultura de Caruaru, intitulado como “Caruaru, Cidade das Artes”, que acaba de ser aprovado pelo Conselho Municipal de Política Cultural da cidade.

O documento, com ações que vêm sendo pensadas desde 2013, segue para votação na Câmera de Vereadores. "É uma forma de mostrar que Caruaru não está apenas no radar do São João e da arte figurativa do barro. Também temos festival de cinema, de folclore, o Teatro Experimental de Arte (TEA), que é Patrimônio Vivo de Pernambuco; e até de compositores, como Onildo Almeida, que ganhou filme do cineasta Helder Lopes", lembra o vice-presidente do Conselho Municipal de Política Cultural de Caruaru (CMPCC), Leonardo Salazar.

Leia também:
Mercado Eufrásio Barbosa vira ponto cultural
Nova secretária estadual de Cultura defende políticas permanentes para o setor
Todos os postulantes a prefeito de Caruaru se elegem para estadual


Segundo ele, a ideia do Plano de Cultura é posicionar a cidade no Agreste pernambucano a partir de sua matriz cultural, que é enorme e merece reconhecimento. "Pensamos algo a longo prazo, para trabalhar propostas estruturadoras. Eram 58 pontos e chegamos aos 25 do documento final, que deve ser aprovado nos próximos 30 dias", aguarda Salazar.

Saiba quais os 25 objetivos traçados no Plano Municipal de Cultura de Caruaru:

Art. 3º São objetivos estratégicos do Plano Municipal de Cultura, conforme deliberações das Conferências Municipais de Cultura e do Conselho Municipal de Política Cultural:

Objetivo 1 - realizar uma ampla reforma administrativa na Fundação de Cultura e Turismo de Caruaru, inclusive criando cargos efetivos preenchidos através de concurso público;

Objetivo 2 - formar pessoal qualificado para a gestão das políticas municipais de cultura;

Objetivo 3 - criar e manter atualizado um site institucional para a Fundação de Cultura e Turismo de Caruaru, baseado nos princípios públicos da transparência, da publicidade, da eficiência e da continuidade administrativa;

Objetivo 4 - reformar, modernizar e/ou requalificar todos os museus e equipamentos culturais do município;

Objetivo 5 - proteger os acervos físicos das bibliotecas públicas municipais, bem como garantir o pleno funcionamento de suas atividades em prédios adequados, além de, sempre que possível, digitalizar os acervos e disponibilizar o acesso através da internet;

Objetivo 6 - criar um comitê gestor permanente para a organização do São João, abrangendo funções administrativas de planejamento, de captação de recursos, de produção e de avaliação do evento, composto por membros titulares e suplentes da Fundação de Cultura e Turismo de Caruaru, de todas as secretarias da administração municipal e do Conselho Municipal de Política Cultural;

Objetivo 7 - transformar a Estação Central de Caruaru, o Armazém e o Pátio Ferroviário em um conjunto de equipamentos turísticos e culturais, de acordo com as normas técnicas para uso e ocupação de prédios e pátios ferroviários históricos, funcionando o ano inteiro com atividades de produção, promoção, difusão, exibição e comercialização de produtos culturais, da economia criativa e da gastronomia local;

Objetivo 8 - promover ações culturais transversais entre a Fundação de Cultura e Turismo de Caruaru e os demais órgãos da administração municipal;

Objetivo 9 - desenvolver ações culturais durante o ano inteiro que valorizem o título de Caruaru como “A Capital do Forró”, e do Alto do Moura como “Maior Centro de Artes Figurativa das Américas”;

Objetivo 10 - apoiar a realização do inventário, e encaminhar junto ao IPHAN, o pedido de registro do Alto do Moura como patrimônio cultural imaterial brasileiro;

Objetivo 11 - desenvolver o potencial turístico e cultural dos lugares símbolos de Caruaru, a saber: a Feira de Caruaru, o Centro, o Monte Bom Jesus, o Rio Ipojuca e o Alto do Moura;

Objetivo 12 - ocupar as escolas e os espaços públicos com atividades culturais e recreativas nos fins de semana e feriados, tais como parques, praças, feiras e ruas;

Objetivo 13 - descentralizar as ações culturais nos bairros e na zona rural do município;

Objetivo 14 - criar e promover o calendário anual de eventos oficiais organizados pela Fundação de Cultura e Turismo de Caruaru - FCTC;

Objetivo 15 - garantir a acessibilidade de pessoas com deficiência aos eventos e ações culturais;

Objetivo 16 - incluir atividades para o público infantil e para a terceira idade na programação dos eventos e ações culturais;

Objetivo 17 - realizar um baile municipal durante o ciclo carnavalesco, bem como valorizar o Carnaval de rua com desfiles de blocos e agremiações do município e da região;

Objetivo 18 - ampliar a seleção de propostas artísticas através de editais públicos para compor a programação dos principais festejos do município;

Objetivo 19 - garantir a participação digna e expressiva de artistas caruaruenses nos eventos culturais municipais, além de realizar o pagamento do cachê em tempo hábil;

Objetivo 20 - incentivar a profissionalização da classe artística e da cadeia produtiva da cultura, além de fomentar a visão empreendedora entre artistas e produtores culturais;

Objetivo 21 - criar e divulgar uma agenda cultural do município, de periodicidade mensal, contemplando eventos realizados pela FCTC, pelos artistas e demais produtores culturais;

Banda de Pífanos Dois Irmãos, de Caruaru

Banda de Pífanos Dois Irmãos, de Caruaru - Crédito: Janine Moraes/MinC/Divulgação


Objetivo 22 - criar e manter em funcionamento um cineteatro municipal, cujo prédio deverá abrigar também a sede e os ensaios da Orquestra de Pífanos de Caruaru;

Objetivo 23 - criar e manter em funcionamento uma escola de arte e cultura, contemplando a multidisciplinaridade de pesquisa e ensino das diversas linguagens artísticas e vocações culturais do município;

Objetivo 24 - garantir a implementação e a continuidade dos editais públicos referentes ao Fundo Municipal de Cultura e ao Registro do Patrimônio Vivo de Caruaru;

Objetivo 25 - garantir espaço adequado e apoio administrativo para que o Conselho Municipal de Política Cultural desempenhe suas atividades regulares e exerça suas atribuições legais.

 

Veja também

Fernandes lança sua nova música, 'Norte', nas plataformas digitais
Música

Fernandes lança sua nova música, 'Norte', nas plataformas digitais

F(r)icções: inscrições abertas para oficina online e gratuita sobre crítica de cinema
Audiovisual

F(r)icções: inscrições abertas para oficina online e gratuita sobre crítica de cinema