Corpo de Ferreira Gullar é levado à ABL em cortejo pelo centro do Rio

À tarde, o corpo do poeta seguirá para o mausoléu da ABL no Cemitério São João Batista

Juliano Medeiros, Presidente nacional do PSOL, enviou a nota da executiva nacional da legenda Juliano Medeiros, Presidente nacional do PSOL, enviou a nota da executiva nacional da legenda  - Foto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco

O corpo do poeta, ensaísta, crítico de arte, tradutor, biógrafo e colunista Ferreira Gullar ganhou cortejo público pelas ruas do centro do Rio na manhã desta segunda-feira (5).

Parentes e amigos aplaudiram no momento em que o caixão deixou o salão da Biblioteca Nacional em direção à Academia Brasileira de Letras, a 450 metros de distância. O grupo acompanhou o cortejo carregando flores.

Ao chegar, o cortejo foi recebido por uma ABL cheia. Entre os presentes estava o ex-deputado Fernando Gabeira.

"Foi um grande poeta, um grande brasileiro e um grande maranhense, muito devotado ao seu Estado. Simplesmente um dos maiores poetas que a Academia já teve. Recentemente foi um articulista muito lúcido sobre o país, além de ter feito parte da resistência na década de 60", disse Gabeira.

Também esteve presente o ministro da Defesa Raul Jungmann. "Meu primeiro contato com Gullar foi aos 17 anos. Foi alguém que conheci a distancia pela poesia e, mais tarde, pessoalmente. Sua obra nos enriquece", disse Jungmann.

À tarde, o corpo do poeta seguirá para o mausoléu da ABL no Cemitério São João Batista, em Botafogo, na zona sul, onde será enterrado.

Veja também

Artes visuais: como curadores e galeristas escolhem novos talentos no Recife
Artes Visuais

Artes visuais: como curadores e galeristas escolhem novos talentos no Recife

Após desfalcar The Voice Kids, Claudia Leitte volta como jurada em versão sênior do programa
disputa musical

Após desfalcar The Voice Kids, Claudia Leitte volta como jurada em versão sênior do programa