A-A+

Música

Diablo Angel: single dá 'start' ao terceiro disco da banda

"Quero Que o Mundo se Importe" está disponível hoje nas plataformas digitais, e é o pontapé para mais um álbum da banda pernambucana

Banda pernambucana Diablo AngelBanda pernambucana Diablo Angel - Foto: divulgação

Entre guitarras, synths e reverbs, a banda pernambucana Diablo Angel engrena em uma nova fase que inclui, além de nova formação, o novo single “Quero Que o Mundo se Importe” – o primeiro do terceiro álbum que está em fase de pré-produção. Disponível hoje nas plataformas digitais e com letra ‘necessária’ para os tempos atuais, além de Kira Aderne (guitarra e vocal), o grupo conta com Tárcio Luna (guitarra), Nívea Maria (teclados e synths) e Vitor Lima (bateria), este últimos de Recife e os dois primeiros de Caruaru, no Agreste.

Diferente de trabalhos anteriores, o single, produzido por Pedro Diniz, baixista e produtor da Mundo Livre S/A, traz experimentações novas à banda que vem se destacando na cena da música independente do Estado desde o álbum de estreia “Fuzzled Mind” (2016), trabalho que levou o grupo a pisar em palcos de festivais de peso, entre eles Coquetel Molotov e o Abril Pro Rock (APR). Já em 2019 com “Futuro”, os músicos trouxeram à tona um cancioneiro autoral mesclado com faixas em português e inglês – diferente do disco de estreia, que veio integralmente com letras neste último idioma.  

Antes de “Quero Que o Mundo se Importe”, a Diablo Angel ganhou videoclipe com “Incansável”, sob direção de Felipe Soares e lançado nas plataformas digitais em junho deste ano. Na narrativa, a temática da Ditadura Militar no País com menção a nomes como o de Manoel Aleixo – vítima do período, morto com um tiro nas costas em 1973 em Pernambuco. O novo single da banda também remete à realidade atual do Brasil, tomado por escassez de sentimentalidades, com o egoísmo acima de (quase) tudo e de (quase) todos. Momento propício, portanto, para a banda repousar novamente, por entre letras e vozes, o enlace essencial que cai bem à arte que ecoa representatividades quando deseja “Que o mundo se importe, com o futuro e com o nosso momento (...) E não seja assim tão egoísta”.

Veja também

Existe diferença de habilidades entre jogadores de Counter-Strike e League of Legends?
TECNOLOGIA E GAMES

Existe diferença de habilidades entre jogadores de Counter-Strike e League of Legends?

Cesar Tralli se despede do SP1 com choro e aplauso da equipe
Televisão

Cesar Tralli se despede do SP1 com choro e aplauso da equipe