Documentário mostra fotos de Marilyn Monroe no necrotério que foram escondidas por anos

O filho de Wiener, Devik Wiener, conta que o pai conseguiu entrar na área restrita para fazer fotos depois de subornar os funcionários do local com garrafas de uísque

Marilyn MonroeMarilyn Monroe - Foto: Reprodução/ Internet

Fotos da atriz e cantora Marilyn Monroe no necrotério foram divulgadas por um documentário do canal Fox News neste final de semana. Com o título "Scandalous: The Death of Marilyn Monroe", registros inéditos da atriz nua e morta foram feitos pelo famoso fotógrafo Leigh Wiener e nunca haviam sido divulgados.

O filho de Wiener, Devik Wiener, conta que o pai conseguiu entrar na área restrita para fazer fotos depois de subornar os funcionários do local com garrafas de uísque e outros drinques.

"Não foi a primeira vez que meu pai usou algumas garrafas de uísque para entrar em locais que ele não poderia. Ele ofereceu drinques para os funcionários para conseguir entrar", conta o filho, revelando que o pai utilizava desse método várias vezes.

Leia também:
Pabllo Vittar se veste de Marilyn Monroe e usa prótese de silicone
Marilyn Manson faz 50 anos e continua ainda mais excêntrico


Segundo o Daily Mail, que teve acesso ao documentário antes dele ser exibido neste domingo (18), Leigh Wiener usou cinco rolos para tirar fotos da atriz, mas apenas três deles foram divulgados e usados pelo Fox News para compor o documentário.

Ainda de acordo com o filho, os dois outros filmes com as imagens foram levados para o estúdio do fotógrafo e, logo em seguida, trancados em um cofre. "Os dois últimos rolos ele levou de volta para seu próprio estúdio e disse que processou, examinou e logo guardou em seu cofre".

Com apenas 36 anos de idade, Marilyn Monroe foi encontrada morta no dia 5 de agosto de 1962 em sua casa, na cidade de Brentwood (Califórnia).

Veja também

Belutti diz ser desengonçado antes de estreia no Dança dos Famosos
Televisão

Belutti diz ser desengonçado antes de estreia no Dança dos Famosos

Compadre de Jojo Todynho é assassinado no Rio de Janeiro
Violência

Compadre de Jojo Todynho é assassinado no Rio de Janeiro