Dois filmes pernambucanos são premiados no Festival de Gramado

Os curtas-metragens 'Guaxuma' e 'Nova Iorque' levaram Kikitos na premiação do 46º Festival de Cinema de Gramado

Elenco e diretor de 'Nova Iorque'Elenco e diretor de 'Nova Iorque' - Foto: Cleiton Thiele/Pressphoto

Drama adolescente sobre bullying virtual, "Ferrugem", de Aly Muritiba, levou o prêmio de melhor longa nacional do júri da 46ª edição do Festival de Gramado, no Rio Grande do Sul. O filme também ganhou Kikitos de roteiro e som. Já o drama familiar "Benzinho" levou quatro prêmios: melhor filme segundo o voto popular, filme segundo a crítica, atriz e atriz coadjuvante.

A premiação foi marcada por protestos contra as novas regras de edital de fomento da Ancine e por coros de "Lula livre", vindos de Osmar Prado, vencedor do prêmio de melhor ator por "10 Segundos pra Vencer", e do diretor Otto Guerra.

Na cerimônia, também se destacaram dois filmes de Pernambuco: "Guaxuma", da cineasta alagoana radicada no Recife, Nara Normande, levou o Kikito de melhor Curta-Metragem brasileiro, enquanto outro curta - "Nova Iorque", que tem direção do caruaruense Leo Tabosa - levou dois prêmios (na categoria de Melhor Fotografia, levando R$ 5 mil, além do Prêmio Canal Brasil, faturando R$ 15 mil).




Leia também:
Curta pernambucano leva duas premiações no Festival de Gramado
Hermila Guedes e ator mirim Juan Calado são destaques no Festival de Gramado
Dois filmes pernambucanos estão na disputa do Festival de Gramado


"Guaxuma" recorda as memórias de infância de Nara Normande na Praia de Guaxuma, no litoral de Alagoas. No curta, animação feita de areia, a diretora conta de sua amizade com Tayra Macedo - que morreu em um acidente de moto, em 2010.

“O filme trabalha com três técnicas em torno da areia, tem o stop motion feito com bonecos, que a gente filmou na praia, tem também a animação tradicional da areia em 2D e uma técnica que chamei de areia molhada, que é modelar em cima da areia molhada, fazer as esculturas e animar”, afirmou Nara, em entrevista à rede de TV alemã DW, sobre as técnicas utilizadas para compor o filme.



"Guaxuma" foi exibido em festivais relevantes, como o de Annecy, na França, e o Anima Mundi, no Brasil.

   Ator-mirim

Já "Nova Iorque", que traz no elenco o ator-mirim Juan Calado, de 9 anos, na pele de persoangem que precisa lidar com a perda da inocência e o abandono, além das experientes Hermila Guedes e Marcélia Cartaxo, será exibido na programação do Canal Brasil e concorre a um prêmio de R$ 50 mil.

Veja também

Aulas gratuitas de fotografia para os pequenos é opção para este domingo (24)
Fundaj

Aulas gratuitas de fotografia para os pequenos é opção para este domingo (24)

Rec-Beat divulga lineup de edição virtual
Música

Rec-Beat divulga lineup de edição virtual