Dura realidade mal contada

Boas histórias são abafadas por erros no formato e na exibição de “Segredos de Justiça”, série do “Fantástico”

O prefeito do Cabo, Lula Cabral (PSB), e o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), em entrevista na Prefeitura da cidadeO prefeito do Cabo, Lula Cabral (PSB), e o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), em entrevista na Prefeitura da cidade - Foto: Rafael Furtado/Folha de Pernambuco

Tudo é possível na mistu­ra de jornalismo e en­tretenimento promovida pelo “Fantástico”. Quan­do o assunto é teledrama­turgia, o dominical já ce­deu espaço para produções do quilate de “A Vida Como Ela É...”, “Retrato Falado” e “Eu Que Amo Tanto”. Mas também teve seus tropeços em “Correio Feminino” e no no­víssimo “Segredos de Justi­ça”. Baseado no livro “A Vi­da Não é Justa”, da juíza Andréa Pachá, o projeto de adaptação de curiosos casos jurídicos reais para o vídeo existe desde que o livro foi lança­do, em 2012. Depois de muito “rodar” dentro da Globo, deci­diu-se que o melhor forma­to para a produção seria o de série dentro do “Fantástico”. O apelo popular das histórias é inegável, mas o formato enfraqueceu e deixou a produção superficial.
O elemento que interliga todos os episódios surge na figura ficcional da juíza, interpretada por Gloria Pires. Mas a escolha pelo docudrama, com falsos depoimentos, tor­na o resultado final da série, no mínimo, frustrante e confuso. A ideia de misturar ficção com realidade vai por ter­ra no momento em que se revela que quem dá o depoimen­to também é ator. Mas, não chega a ser uma informação tão surpreendente assim. Já que o tex­to dos depoimentos é cuida­dosamente elaborado e interpretado. Se ali estivesse a pes­soa que de fato viveu a his­tória dramatizada pelo atores conhecidos do grande público, ela não falaria tão bem dirigida e o depoimento soaria natural. Co­mo o nome da série sugere, as histórias são segre­dos de justiça e a identidade dos envolvidos não po­de ser revelada. Mas a escolha pelo docudrama não parece acertada.

Veja também

Artistas se unem para arrecadar fundos para ações na Cracolândia
Solidariedade

Artistas se unem para arrecadar fundos para ações na Cracolândia

Dani Calabresa diz que namorado a fez acreditar que 'vale a pena se jogar' no amor
famosos

Dani Calabresa diz que namorado a fez acreditar que 'vale a pena se jogar' no amor