'Eu acho Romero Britto incrível', diz o artista plástico Rique Ricco

Radicado no Recife, o artista viveu boa parte de sua vida na capital pernambucana

Quadro na casa da cantora Anitta foi primeira obra feita pelo artistaQuadro na casa da cantora Anitta foi primeira obra feita pelo artista - Foto: Divulgação

Rique Ricco, artista plástico cearense radicado no Recife, de 25 anos, começou sua carreira desde muito pequeno por influência paterna. Mas foi depois de um amor fanático pela cantora Anitta que descobriu o caminho específico de sua arte. O início desse caminho aconteceu de forma despretensiosa, quando entregou à artista a sua primeira obra, inspirada no álbum Bang, o que impulsionou Ricco a trilhar um caminho nas artes plásticas. O quadro, aliás, estampa a sala de Anitta e costuma aparecer nas fotos e vídeos da casa da artista. Hoje, o pintor coleciona rostos em suas telas de nomes como Silvio Santos, Xuxa, Fátima Bernardes, Pabllo Vittar, Paulo Gustavo, Larissa Manoela, Ivete Sangalo, Anahí e Sabrina Sato.

"Eu sempre desenhava na escola. Era o aluno responsável para fazer as capas e desenhos. E meu pai também desenha. Em 2013, conheci um artista americano que tirei toda minha inspiração. Foi dessa forma que fui caminhando no mundo artístico. Hoje, a arte é algo que levo comigo para onde eu for. As cores transmitem um sentimento de felicidade e que conseguem alegrar qualquer lugar. Essa é minha forma artística", contou o artista em entrevista à Folha de Pernambuco.

Leia também:
Mulheres no centro da trama na Paixão de Cristo de Moreno
[Crítica] Arlequina centraliza as atenções em 'Aves de Rapina'


A identidade de Rique é clara, cheia de cores fortes para cada tela, com clara inspiração na pop art. Segundo o artista, o processo de criação de cada obra acontece de forma singular. "Meus trabalhos que eu faço são personalizados. É sempre diferente o processo de criação de um para o outro. Ainda existem dias que eu 'tô' bem inspirado. outros não", explicou.

Ao ser questionado sobre a Capital pernambucana e suas inspirações culturais, Rique reafirma a importância do Estado em sua bagagem artística e pessoal. "Recife é o lugar que mais amo na vida. Não só porque meu trabalho começou aí. Minha vida profissional artística começou aí. É uma cidade linda e com pessoas incríveis. O ar de Recife também uma inspiração para mim", pontuou.

Não tem como falar de Pernambuco e artes plásticas sem lembrar de Romero Britto. Rique Rocco explica proximidade com a arte do pernambucano: “Eu acho Romero Britto incrível. Já li e pesquisei muito sobre a história de vida dele. Temos um trabalho que visualmente é parecido pelas cores, embora os trabalhos terem traços totalmente diferentes. É uma grande inspiração, não só na estética, mas também na história de vida dele”.

Veja também

Bate-papo sobre bastidores do JGE + peça online no penúltimo dia do festival , esta quarta (27)
JGE

Bate-papo sobre bastidores do JGE + peça online no penúltimo dia do festival , esta quarta (27)

Jane Fonda receberá prêmio honorário do Globo de Ouro por seu ativismo social
Prêmio

Jane Fonda receberá prêmio honorário do Globo de Ouro por seu ativismo social