Exposição 'Identidades' propõe uma imersão no universo artístico particular

'Identidades' é a primeira exposição de alunos do curso de Desenho e Pintura da artista Dayse Pontes. Inauguração será neste sábado (15), no Espinheiro

Dayse Pontes, artista plásticaDayse Pontes, artista plástica - Foto: Rafael Furtado/Folha de Pernambuco

“O conceito de ‘talento para desenhar’ é bastante questionado por mim. Eu acredito que qualquer um é capaz de realizar um belo trabalho, basta ser instruído”. É baseada nessa afirmação que Dayse Pontes, artista plástica pernambucana, ministra seu curso de Desenho e Pintura, no apartamento em que reside, em Boa Viagem.

O intenso e longo envolvimento de Dayse na busca pela valorização artística no Estado está culminando em mais um resultado, que envolve inúmeras conquistas. Desta vez, ela guia seus alunos na primeira exposição do seu curso. A mostra, intitulada “Identidades”, será inaugurada neste sábado (15), a partir das 19h, no Espinheiro.

A exposição tem o objetivo de mostrar o desenvolvimento dos 14 alunos durante o curso atrelado a todas as diferentes formas de enxergar o mundo, que são constantemente discutidas e compartilhadas em sala de aula. “Para mim, é muito gratificante promover uma mostra com as obras dos meus alunos. Agregar a minha experiência em organização de exposições para a estreia deles me deixa muito feliz”, conta Dayse, que já foi proprietária de uma galeria, no Pina.

Leia também:
Farnese de Andrade tem obras em exposição na Caixa Cultural
Renata Ramos inaugura exposição de gravuras
Mamam abre as portas para o feminino com duas exposições

A artista conta que a ideia foi abraçada pela maioria dos seus alunos e que o envolvimento deles em todo o processo foi fundamental. “A exposição foi muito bem-vinda. Alguns, mais tímidos, ficaram mais resistentes com a ideia, mas a convivência com os colegas, empolgados na maioria do tempo, ajudou a quebrar a resistência. Além disso, eles foram muito ativos com as etapas para chegar ao evento, desde a escolha do nome até a organização do espaço”, relata.

Ela ainda conta que viver a experiência de uma exposição é muito importante para a valorização do artista. "Eles estão muito ansiosos e felizes com a oportunidade. É importante viver esse momento. Expor a sua arte, desnudar-se perante os olhos do outro. É muito profundo", complementa.

O salão da exposição será dividido em três espaços. Uma galeria; um espaço com um varal, com muitos dos trabalhos desenvolvidos pelos alunos ao longo do curso; e os espaços individuais para cada aluno. Todas as peças estarão à venda, com valores a partir de R$ 100.

   O curso

Há cerca de dois anos e meio, Dayse resolveu abrir um curso de Desenho e Pintura em sua casa, que também abriga o seu ateliê. Atualmente, ela ministra aula para quatro turmas, todas intimistas, com o limite máximo de seis alunos. Segundo Dayse, o curso é um dos únicos do Nordeste que trabalha com as técnicas de Charles Bargue, de desenhos a partir da observação de esculturas. Além disso, ela faz questão de apresentar aos alunos noções de História da Arte.

Serviço:

Exposição "Identidades - Um Projeto de Arte e Atitude"
Inauguração neste sábado (15), a partir das 19h
rua da Hora, 828, Espinheiro
Entrada gratuita

Veja também

Nego do Borel apela para discurso religioso após acusações de agressão
Religiosidade

Nego do Borel apela para discurso religioso após acusações de agressão

Comparada a Satanás, Andressa Urach critica pastores da Universal
Polêmica

Comparada a Satanás, Andressa Urach critica pastores da Universal