Música

Fagner lança "Lábios que Beijei", primeiro single de novo álbum

Disco que chega em novembro reúne serenatas e canções gravadas por cantores da Era do Rádio

Fagner, cantorFagner, cantor - Foto: Jorge Bispo

A Era do Rádio vai permear o novo trabalho do cantor cearense Fagner, que lançou o primeiro single do álbum que chega em novembro tomado por serestas e clássicos da música popular.

“Lábios que Beijei”, disponível nas plataformas digitais, foi o primeiro sucesso de Orlando Silva e nasceu como uma valsa de 12 versos, em 1937 (J. Cascata e Leonel Azevedo).

 

O single também marca a estreia do artista no selo Biscoito Fino e abre a seleção que vai trazer de volta o cancioneiro de nomes como Francisco Alves, Sílvio Caldas, Orlando Silva e Vicente Celestino. 

O novo álbum de Fagner inclui versões para Rosa (Pixinguinha/Otávio de Souza), Maringá (Joubert de Carvalho), Noite cheia de estrelas (Cândido das Neves, 1932), Serenata (Silvio Caldas e Orestes Barbosa, 1935), Deusa da minha rua (Newton Teixeira e Jorge Faraj),  e As rosas não falam (Cartola), entre outras.  

 

Capa do single

Lábios que Beijei

(J. Cascata / Leonel Azevedo)

 

Lábios que beijei

Mãos que eu afaguei

Numa noite de luar assim

O mar na solidão bramia

E o vento a soluçar pedia

Que fosses sincera para mim

Nada tu ouviste

E logo partiste

Para os braços de outro amor

Eu fiquei chorando

Minha mágoa cantando

Sou a estátua perenal da dor

Passo os dias soluçando com meu pinho

Carpindo a minha dor, sozinho

Sem esperanças de vê-la jamais

Deus, tem compaixão desse infeliz

Por que sofrer assim?

Compadecei-vos de meus ais

Tua imagem permanece imaculada

Em minha retina cansada

De chorar por teu amor

Lábios que beijei

Mãos que eu afaguei

Volta, dá lenitivo à minha dor

 

Veja também

Equipe de Raissa Barbosa toma providências após divulgação de imagem íntima
A fazenda

Equipe de Raissa Barbosa toma providências após divulgação de imagem íntima

Whitney Houston se torna a primeira artista negra a conseguir três discos de Diamante
música

Whitney Houston se torna a primeira artista negra a conseguir três discos de Diamante