Música

Felipe EL e Luiz Caldas cantam Moraes Moreira em novo single

"Chame Gente", clássico do carnaval baiano, ganha uma nova roupagem e chega nesta sexta (4) nas plataformas de música via selo Candyall Music

Cantor e compositor Felipe El interpreta MOraes MoreiraCantor e compositor Felipe El interpreta MOraes Moreira - Foto: José de Holanda

Para celebrar a obra carnavalesca de Moraes Moreira, o cantor e compositor Felipe El convida Luiz Caldas para um feat inédito. A dupla estreia o single Chame Gente, clássico do novo baiano e Armandinho Macedo que agora ganha uma nova roupagem. A faixa chega nesta sexta-feira (4) nas plataformas de música via selo Candyall Music, liderado por Carlinhos Brown.

Com produção musical do próprio EL em parceria com Miguel Freitas, a música traz uma versão versátil e contagiante com forte presença percussiva, guitarras e vozes marcantes. Para somar nessa canção, Luiz Caldas imprime toda sua vivência do carnaval baiano, garantindo a essência da faixa original, que foi lançada em 1985. 

"Criamos dois momentos na música onde o primeiro é um andamento mais cadenciado para valorizar a poesia que há nessa canção. No segundo momento, como tradição nesse clássico do carnaval baiano, levamos as imaginações para as ruas atrás do Trio elétrico", explicou El.

"Participar da canção Chame Gente com Felipe é um grande prazer. Apesar de jovem, Felipe é um dos grandes artistas com uma força musical fora de série, seja tocando e principalmente cantando. E cantar Moraes Moreira é um desafio prazeroso, que só faz enriquecer a carreira de qualquer um. Estou feliz demais em fazer parte desse projeto", comemorou Luiz Caldas.

Essa é a segunda faixa do projeto que tem como proposta exaltar a obra dos nossos antepassados. "Foram eles quem nos formaram. Se hoje fazemos música e podemos ser criativos é porque nossos mestres nos ensinaram. É fundamental cultivarmos vivos os grandes clássicos  dos nossos gênios brasileiros.É exaltando nossos ancestrais que construímos o futuro", completou El.

A ideia desse projeto surgiu quando Felipe interpretou Moraes Moreira em um musical sobre os Novos Baianos onde foi assistido por muitos artistas como Pepeu Gomes, Marisa Monte, Lulu Santos, Chico Buarque, Carlinhos Brown e diversas vezes pelo próprio Moraes Moreira. Foi a partir daí que surgiu a ideia de homenagear a obra carnavalesca de Moraes Moreira.

"Eu me via muito nele (Moraes Moreira), pelo fato de ser um seresteiro que também gosta de Samba e Rock’n’Roll. Violeiro que canta canções e traz mensagens e um pouco poeta também, por fim, um amante de rock e de samba", confidenciou o artista.

O single estará presente no volume 1 do projeto El Canta Moares, que conta com cinco músicas onde Felipe revisita a obra carnavalesca de Moraes Moreira e que será lançado ao longo do verão 2022. Em dezembro, Felipe lançou uma releitura de Chão da Praça, que contou com a produção musical de Davi Moares, filho do novo baiano. No verão de 2023 será lançado o volume 2 do projeto. 

Ficha Técnica
Voz : Luiz Caldas
Voz e Violão : Felipe El
Beat : Miguel Freitas
Baixo : Miguel Freitas
Guitarras : Gustavo Pereira , Filipe Paschoal
Teclados : Jorge Victor
Percussão : Rudson Daniel , Lenynha Oliveira, Felipe El
Surdo virado : Raysson Lima
Produção : Felipe El e Miguel Freitas
Edição : Luis Lacerda
Mixagem e Masterização : Jorge Victor
Foto : José de Holanda
Design : Pablo Sganzerla
Distribuição : Candyall Music

Veja também

Dona Florinda homenageia o marido Roberto Bolaños, o Chaves, que faria 95 anos
homenagem

Dona Florinda homenageia o marido Roberto Bolaños, o Chaves, que faria 95 anos

Polo ItalianoRio celebra 150 anos da imigração italiana no Brasil
BRASIL

Polo ItalianoRio celebra 150 anos da imigração italiana no Brasil